Vasco derrota Treze e abre vantagem na Copa do Brasil

Equipe de Adilson Batista saiu atrás no placar, mas conseguiu buscar o resultado fora de casa

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Com dois gols de Thalles, o Vasco venceu de virada o Treze, da Paraíba, por 2 a 1, nesta quarta-feira, no estádio Governador Ernani Sátyro, em Campina Grande (PB). Cheio de desfalques, o time carioca não começou bem a partida, mas melhorou no segundo tempo e conseguiu a vitória. As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta, no Rio. O Vasco poderá empatar ou perder por até 1 a 0 que ainda assim se classifica para a terceira fase da Copa do Brasil.

O Vasco começou o jogo dominando a posse de bola, mas tinha dificuldade para criar boas jogadas por causa da forte marcação do Treze. O time da casa jogava melhor, se defendia em seu campo com quase todos os jogadores e conseguia ser muito perigoso nos contra-ataques, principalmente nos lances de velocidade pelas pontas. Foi em uma dessas jogadas que Jonatas Belusso avançou dentro da área e tocou para Esquerdinha abrir o placar.

Sem conseguir transpor a defesa do Treze, o time carioca arriscava chutes de fora da área com Douglas e Danilo e acabou levando risco ao gol de Gilson. Danilo, volante de apenas 18 anos, se destacou pelo lado vascaíno no primeiro tempo atuando bem na marcação e apoiando no ataque.

Insatisfeito com o resultado do primeiro tempo, o técnico Adilson Batista substituiu os pontas Reginaldo e Montoya pelos jovens Marquinhos e Yago e as mudanças fizeram efeito. Aos 5 minutos, Marquinhos fez uma ótima jogada na linha de fundo e cruzou para Thalles empatar, de cabeça. Após o gol, o Vasco melhorou, mas não conseguia ser contundente no ataque. O jogadores do Treze pareciam ter cansado e perderam o ímpeto que apresentaram no primeiro tempo.

No fim do jogo, aos 40 minutos, em uma cobrança de escanteio de Douglas, Thalles subiu mais alto que os zagueiros e virou o jogo para o Vasco. O Treze ainda levou perigo ao gol do goleiro Diogo Silva em bolas paradas, mas não teve sucesso.

FICHA TÉCNICA

TREZE 1 x 2 VASCO

TREZE - Gilson; Birungueta, Negretti, Douglas e Fernandes; Sapé, Esquerdinha, Douglas Packer e Clébson (Léo Bartholo); Jonatas Belusso e Jaílson (Fabinho Cambalhota). Técnico: Leandro Sena.

VASCO - Diogo Silva; André Rocha, Luan, Douglas Silva e Diego Renan; Fellipe Bastos, Danilo e Douglas; Montoya (Yago), Reginaldo (Marquinhos) e Thalles. Técnico: Adilson Batista.

GOLS - Esquerdinha, aos 19 minutos do primeiro tempo; Thalles, aos 5 e aos 40 minutos do segundo tempo. CARTÕES AMARELOS - Birungueta, Fabinho Cambalhota e Douglas (Treze); Diego Renan e Danilo (Vasco). ÁRBITRO - Jailson Macedo Freitas (BA). RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis. LOCAL - Estádio Governador Ernani Sátyro, em Campina Grande (PB).

Leia tudo sobre: vascotrezecopa do brasilfutebol