Lisboa verá 1ª final da Liga dos Campeões com times de uma só cidade

Madrilenhos fazem história e chegam à decisão de torneio mais importante do Velho Continente

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Cristiano Ronaldo e Diego Costa chegam como grandes estrelas da final da Champions League
REPRODUÇÃO/ESPN
Cristiano Ronaldo e Diego Costa chegam como grandes estrelas da final da Champions League

O Atlético de Madrid fez história nesta quarta-feira ao bater o Chelsea por 3 a 1, de virada, no Stamford Bridge, em Londres. Agora, o time de Diego Costa enfrentará o Real Madrid na grande final da Liga dos Campeões, no dia 24 de maio, em Lisboa. Pela primeira vez na história da competição, dois times da mesma cidade irão disputar o título.

Antes, quatro finais foram marcadas pela disputa de equipes do mesmo país. Curiosamente, Espanha, Itália, Inglaterra e Alemanha conseguiram alcançar o feito. O fato ocorreu pela primeira vez em 2000, quando Real Madrid e Valencia se enfrentaram. O time de Madri, na ocasião, venceu por 3 a 0.

Três anos depois, o Milan bateu a Juventus nos pênaltis após um empate por 0 a 0 em Manchester. Em 2008, mais uma decisão nas penalidades máximas, com vitória do Manchester United sobre o Chelsea em Moscou. No ano passado, foi a vez de Bayern de Munique e Borussia Dortmund medirem forças no Estádio de Wembley em Londres. O Bayern fez 2 a 1 e levantou o troféu.

O Atlético chegou à semifinal outras três vezes, mas só conseguiu chegar à final em 1974, quando fez 2 a 0 no Celtic na partida que valeu vaga na decisão. Até então, o time havia sido derrotado em duas oportunidades. Em 1959, contra o próprio Real Madrid, após três partidas. O rival, depois, sagrou-se tetracampeão europeu. Já em 1971, o futuro campeão Ajax eliminou a equipe espanhola.

Na única vez que decidiu o título da Liga dos Campeões, o Atlético de Madrid deixou o título escapar no último minuto. Contra o Bayern de Munique, em Bruxelas, abriu o placar aos nove minutos do segundo tempo da prorrogação, com Aragonés. Schwarzenbeck, porém, empatou cinco minutos depois. No jogo-desempate, novamente na Bélgica, o time alemão bateu a equipe espanhola por 4 a 0, com dois gols de Hoeness e outros dois de Gerd Müller.

Nesta temporada, o Atlético também luta pelo título espanhol, fato que não ocorre desde 1996. A duas rodadas do fim, o time soma 88 pontos, quatro mais que o Real Madrid. A conquista virá com mais seis pontos. Na próxima rodada, o líder enfrenta o Levante fora de casa. Depois, recebe o Málaga em casa. Na última rodada, será disputado o clássico entre Barcelona e Atlético de Madrid.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave