Chip 9 mil vezes mais eficiente que computador 'imita' o cérebro

Novidade foi apresentada por bioengenheiros da Universidade de Stanford, nos EUA, e deve abrir fronteiras na área de robótica e para pessoas com paralisia

iG Minas Gerais | Da Redação |

Ele pode simular 1 milhão de neurônios e milhões de conexões sinápticas
Universidade de Standfort/Reprodução Youtube
Ele pode simular 1 milhão de neurônios e milhões de conexões sinápticas

Bioengenheiros da Universidade de Stanford, nos EUA, acabam de apresentar um microchip capaz de simular o cérebro humano: trata-se do Neurogrid, que deve abrir fronteiras na área de robótica.

Elaborado com 16 chips "neurocore", ele pode simular 1 milhão de neurônios e milhões de conexões sinápticas.

O processador é, simplesmente, 9.000 vezes mais eficiente do que um computador comum e consome 40 mil vezes menos energia, segundo informou o chefe da pesquisa, professor Kwabena Boahen, em artigo publicado  na revista científica "Proceedings of the IEEE", do Instituto Internacional de Engenharia Elétrica e Eletrônica.

O protótipo custou US$ 40 mil, mas a ideia dos pesquisadores é que ele venha a custar US$ 400, se tornando acessível. As pessoas com paralisia, segundo a pesquisa, seriam as grandes beneficiadas com o projeto.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave