Lopes parabeniza América e espera dar acesso de presente à torcida

Vice-líder na Série B do Brasileiro, Coelho completa 102 anos nesta quarta-feira, 30 de abril

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

Flávio Lopes diz que diretoria americana não aceitará indisciplina e erros de arbitragem
Site oficial/Divulgação
Flávio Lopes diz que diretoria americana não aceitará indisciplina e erros de arbitragem

Ex-jogador e ex-treinador do América, Flávio Lopes fez questão de parabenizar o clube por mais um ano de vida. Nessa terça-feira, o dirigente falou sobre os 102 anos do clube, que serão comemorados nesta quarta-feira, dia 30 de abril.

"Tenho uma imensa gratidão pelo América. O clube foi importante na minha formação e me sinto muito feliz de fazer parte desta história", disse o gerente de futebol, que enumerou momentos inesquecíveis de sua história pelo Alviverde.

"Como jogador, o título mineiro de 1993. Atuei como o tornozelo machucado, mas não queria ficar de fora. Vencemos o Democrata-GV de goleada e conquistamos o título. Como treinador, a Sul-Minas de 2000. Naquela oportunidade, lancei vários jovens jogadores. Uma decepção, a perda do título estadual de 1999 para o Atlético. Teve um pênalti mal marcado pelo Lincoln Afonso Bicalho e perdemos de 1 a 0".

Flávio Lopes ressaltou que o presente que espera dar  a torcida pelos 102 anos do clube é o acesso à elite nacional em 2014.

"Esse é o meu desejo e o pensamento de todos nós aqui no clube. O América não começou bem a temporada. Chegamos ao fundo do poço após a derrota por 2 a 1 para o Minas Boca no Campeonato Mineiro, mas, depois, conseguimos reagir e chegar à semifinal. Hoje, temos um grupo qualificado, que está no caminho certo para conseguir o nosso objetivo de buscar o acesso", declarou o dirigente, que destacou ainda a evolução extra-campo do clube nos últimos anos. "Quando eu era jogador, o CT tinha apenas um campo. De uns quatro para cinco anos para cá, podemos observar que o clube vem se tornando uma grande potência com auto suficiência". 

Leia tudo sobre: americacoelhoparabensflavio lopes102anos