Vadão começa trabalho no comando da seleção feminina

Técnico deixou o comando da Ponte Preta para assumir a vaga deixada por Márcio Oliveira

iG Minas Gerais | Agência Estado |

Nesta terça-feira, o treinador se reuniu com responsáveis pela modalidade no país
Reprodução Site CBF
Nesta terça-feira, o treinador se reuniu com responsáveis pela modalidade no país

Contratado pela CBF no dia 14 de abril para ser o novo técnico da seleção brasileira de futebol feminino, Vadão começou a trabalhar efetivamente nesta terça-feira, quando teve sua primeira reunião na sede da entidade, no Rio. "Fizemos uma reunião técnica, sobre os preparativos para amistosos e etapas de treinamentos", contou Vadão, que deixou o comando da Ponte Preta, na Série B do Brasileiro, para ser o substituto de Márcio Oliveira na seleção feminina. Com mais de 20 anos de carreira, Vadão acumula passagens por clubes como Guarani, Mogi Mirim, Atlético-PR, Corinthians, São Paulo, Bahia e Ponte Preta, entre outros. Agora, está em sua primeira experiência com futebol feminino. A estreia dele na seleção foi marcada nesta terça-feira pela CBF ao confirmar a realização do amistoso contra a França, no dia 11 de junho, na Guiana Francesa, que serve de preparação para a Copa América, em setembro, no Equador. Também nesta terça-feira, a CBF anunciou Fabrício Maia como novo coordenador das seleções femininas. "A ideia é que eu trabalhe diretamente com todas as categorias, dando suporte às comissões técnicas e às jogadoras, para que tenhamos certeza de que há uma uniformidade entre equipes", contou ele, em entrevista ao site da entidade.

Leia tudo sobre: VadãoOsvaldo Alvaresseleção femininanovo técnicofutebolCBF