Levir promete não ter dificuldade na hora de sacar Ronaldinho

Técnico do Atlético garante que não terá constrangimento de sacar Ronaldinho dos jogos, em caso de atuações ruins

iG Minas Gerais | Da redação |

Ronaldinho segue no Departamento Médico e terá que ficar na torcida por seus companheiros
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Ronaldinho segue no Departamento Médico e terá que ficar na torcida por seus companheiros
Ronaldinho Gaúcho continua acumulando atuações que não lhe condizem nesta temporada e já viu que, se continuar jogando abaixo do esperado, será substituído mais cedo nas partidas. A chegada de Levir Culpi mudará a segurança do craque em sempre ser titular e jogar os 90 minutos. O novo treinador alvinegro disse que é preciso mostrar serviço para ficar na equipe.   "Tirar o Ronaldinho para mim é como tirar qualquer jogador do elenco. Pelo seguinte, eu até fiz uma palestra rápida com eles e comentei que o jogador é número, quantos chutes, passes, gols, quantas assistências. O melhor jogador está dentro da estatística", afirmou Levir Culpi.   Mesmo que Paulo Auturi tenha demonstrado uma certa dificuldade de tirar R10 dos jogos, tendo Guilherme em um melhor momento no banco de reservas, é bom lembrar que Ronaldinho, antes mesmo de acabar o semestre, já foi retirado do gramado por cinco vezes nesta temporada, um número que supera as substituções totais de 2012 (quatro) e 2013 (também quatro).   Para Levir, está decidido. Quem não rende, perde espaço. Isso vale para Ronaldinho Gaúcho ou Marion; Diego Tardelli ou Carlos. "Então é isso: tem que ficar num número alto de aproveitamento. Se não, não fica no time. Não importa se é o Ronaldinho ou o menino do júnior: o jogador tem que ter um número considerável de estatísticas favoráveis para se manter no time, e isso serve para qualquer um", completou.  

Leia tudo sobre: atleticolevir culpiRonaldinho