Átila Abreu e Thiago Camilo vencem na Stock Car

A primeira prova, com maior tempo de duração e que vale mais pontos, foi ganha por Átila Abreu, enquanto Thiago Camilo triunfou na segunda bateria do dia

iG Minas Gerais | agência estado |

Os pilotos Átila Abreu e Thiago Camilo foram os vencedores da rodada dupla da Stock Car, na terceira etapa da temporada 2014, realizada no Autódromo Nelson Piquet, em Brasília. A primeira prova, com maior tempo de duração e que vale mais pontos, foi ganha por Átila Abreu, enquanto Thiago Camilo triunfou na segunda bateria do dia.

A primeira prova teve duração de 40 minutos e foi vencida por Átila em virtude da estratégia adotada. Ele e sua equipe optaram por realizar um pit stop mais curto, colocando menos combustível do que seus principais concorrentes, terminando a prova à frente de Raphael Matos, o segundo colocado, e de Luciano Burti, o terceiro.

Na largada, Felipe Fraga manteve a liderança, seguido por Julio Campos e Galid Osman, que depois teve problemas e se arrastou até os boxes, perdendo várias posições. Assim, Marcos Gomes assumiu a terceira posição, mas em uma relargada acabou sendo ultrapassado por Átila Abreu e Luciano Burti.

Na janela de pit stops, houve muitas trocas de posições, pois as equipes adotaram táticas diferentes, já pensando na segunda bateria. Quem se deu melhor foi Átila Abreu, que assumiu a liderança, seguido por Max Wilson e Luciano Burti. Raphael Matos então ultrapassou ambos para assumir o segundo lugar, enquanto Luciano Burti passou Max Wilson, o quarto colocado.

Ricardo Zonta terminou em quinto lugar, Julio Campos foi o sexto e Valdeno Brito ficou em sétimo, seguido por Denis Navarro e Sergio Jimenez. Já a pole da segunda bateria ficou com Thiago Camilo, que terminou a primeira prova na décima colocação.

Iniciar da primeira posição, aliás, foi fundamental para Thiago Camilo vencer a segunda bateria da etapa de Brasília da Stock Car. Ele manteve a liderança durante toda a prova, resistindo aos ataques de Júlio Campos, o segundo colocado. Já Cacá Bueno terminou em terceiro lugar e completou o pódio, seguido por Rubens Barrichello e Daniel Serra.

Na largada, Thiago Camilo manteve a liderança, enquanto Sergio Jimenez perdeu o segundo lugar, sendo ultrapassado por Julio Campos e Raphael Matos. O cenário da corrida, porém, se alterou muito em razão dos pit stops, exceto por Thiago Camilo, que sustentou a primeira colocação.

Um acidente com Rafael Suzuki provocou a entrada do safety car quando faltavam oito minutos para o encerramento da segunda bateria. Nesse momento, Thiago Camilo era o primeiro colocado, seguido por Julio Campos e Felipe Fraga, que logo perdeu rendimento e várias posições, terminando a prova apenas na nona colocação. Cacá Bueno foi um dos pilotos que o ultrapassou, assumindo a terceira colocação, seguido por Barrichello e Daniel Serra.

Popó Bueno ficou em sexto lugar, Tuka Rocha foi o sétimo e Diego Nunes o oitavo. A lista dos dez primeiros colocados da segunda bateria da etapa de Brasília da Stock Car foi completada por Lucas Foresti.

Com os resultados das duas baterias, o campeonato é liderado por Valdeno Brito com 52 pontos, dois a mais do que Marcos Gomes. Sergio Jimenez ocupa a terceira colocação, com 49 pontos, Cacá Bueno é o quarto, com 44, e Átila Abreu é o quinto, com 39 pontos. A próxima etapa da Stock Car será disputada no dia 1º de junho, em Goiânia.

Leia tudo sobre: stock car