Vaticano vive dia histórico com canonização de dois papas

Francisco terá presença de Bento XVI na celebração que tonará santo João XXII e João Paulo II

iG Minas Gerais |

Amizade.Papa emérito, Bento XVI foi convidado especialmente por papa Francisco para canonização
Uncredited
Amizade.Papa emérito, Bento XVI foi convidado especialmente por papa Francisco para canonização

Cidade do Vaticano, Vaticano. Eles foram os papas que iniciaram várias reformas na Igreja Católica ao longo dos anos. João XXIII procurou atualizar ao convocar o Concílio Vaticano II e, apesar do curto pontificado, deixou uma marca de bondade e mudança. João Paulo II, por sua vez, ficou conhecido pelas muitas viagens que realizou pelo mundo ao encontro dos fiéis e pela sua devoção mariana, mantendo uma ligação especial com Fátima, que visitou três vezes. neste domingo os dois serão canonizados pelo Vaticano.

Os dois papas eram simples, gostavam de estar perto dos jovens e tinham muito senso de humor. Papa João Paulo II recebe os créditos por ter ajudado a derrubar o comunismo, inspirado uma nova geração de católicos com suas viagens pelo mundo e explicado os ensinamentos da Igreja em relação a uma série de assuntos polêmicos no momento em que o cristianismo começava a ingressar em seu terceiro milênio.

Karol Józef Wojtylla. Lolek foi eleito papa em 1978, e teve um pontificado que marcou a história do mundo e da Igreja. Foram quase 27 anos permeados por momentos difíceis, alegrias, desafios e muita esperança.

Quando sofreu o atentado em 13 de maio de 1981, o papa João Paulo II, ainda na ambulância, perdoou o autor do crime mesmo sem saber quem era e estava convicto de que Nossa Senhora de Fátima o tinha salvado da morte. Visitou o Brasil quatro vezes e até chegou a declarar em uma das ocasiões: “Se Deus é brasileiro, o papa é carioca”.

Apesar de ter ficado apenas seis anos no pontificado, foi na noite de 11 de outubro de 1962, que papa João XXIII fez algo tão natural que revolucionou a Igreja na época. Ele se dirigiu à janela da Palácio Apostólico do Vaticano e falou para milhares de fiéis abaixo que acenavam ao ar com velas acesas. A diferença é que ele se pronunciou, não com palavras misteriosas ou cansativas, como outros papas, mas de uma maneira semelhante à de um pai ou de um pastor que cuida de seu rebanho. “Indo para casa, você vai encontrar seus filhos. Dê-lhes um carinho e diga-lhes este é o carinho do papa”, disse o pontífice aos fiéis iluminados por velas na praça de São Pedro.

Angelo Giuseppe Roncalli, conhecido pelos mais antigos como o papa Bom, foi o homem que modernizou o catolicismo no século XX. “Ele era corajoso. Um bom sacerdote do campo, com um grande senso de humor e grande santidade”, disse papa Francisco a repórteres no ano passado, quando perguntado sobre os atributos de João. “Ele foi um dos grandes”.

Processo. João Paulo II teve dois milagres reconhecidos pelo Vaticano. Um deles foi a cura do mal de parkinson de uma freira francesa. O outro, a cura de um aneurisma cerebral de uma mulher da Costa Rica. Para João XXIII, por sua vez, foi dispensado o milagre da canonização, tão grande é a admiração que Francisco tem por ele.

Para o dia histórico deste domingo, papa Francisco convidou o papa emérito Bento XVI para participar da cerimônia. Assim, o Vaticano poderá se lembrar, nas gerações futuras, do dia em quatro papas se encontraram.

Conheça João XXIII Figura muito popular, sobretudo na Itália, João XXIII era considerado um progressista porque promovia o diálogo com os não cristãos e os não fiéis. Eleito como um papa de transição após a morte de Pio XII, em 25 de janeiro de 1959, deixou todos boquiabertos ao anunciar a realização do Concílio Vaticano II, uma assembleia com todos os bispos do mundo para mudar a Igreja, evento queJoão Paulo II João Paulo II O futuro santo marcou o final do século XX por ter sido um pontífice aberto ao diálogo e, ao mesmo tempo, inflexível em temas morais, que contribuiu para a queda do comunismo. Ele manteve ao longo pontificado posturas morais conservadoras, que resultaram em críticas em determinadas ocasiões. Seu pontificado entrou para a história pelas viagens apostólicas realizados no mundo inteiro: 104 fora da Itália, visitando 129 países.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave