Vídeo desconstrói estereótipos atribuídos aos gays

Publicada há quatro dias, produção já foi vista por mais de 180 mil pessoas; vídeo fala de barriga tanquinho, depilação, Madonna e até de times de futebol

iG Minas Gerais | Da redação |

"Não é porque eu sou gay que eu me depilo". Assim começa um vídeo que vai desconstruindo, ao longo de quase dois minutos, todos os estereótipos atribuídos aos homossexuais.

Eles têm barriga tanquinho? Falam "arrasa!" o tempo todo? Não têm relacionamentos estáveis? Só escutam Madonna? Torcem para um time de futebol X? Queriam ter nascido mulheres?

Talvez alguns, sim, claro, mas não todos. A mensagem é clara: todo mundo, heterossexual ou homossexual (ou bi, trans, multi e demais variáveis) tem diferenças, e respeitá-las é mais importante do que criar enquadramentos.

O vídeo foi publicado há quatro dias, em 22 de abril, e já tem mais de 180 mil visualizações. Ele foi produzido pelo canal do Youtube "Põe na Roda", que se define como um espaço "de humor, informação e cultura gay". O canal já tem mais de 20 mil pessoas inscritas.

Assista ao vídeo:

Leia tudo sobre: respeitohomossexuaisgayspreconceitoestereótipoPõe na Rodaclichêdiferenças