Criações de portas abertas

Gaiolas assumem diversas finalidades no décor e são incorporadas em qualquer canto

iG Minas Gerais | Ana Paula Braga |

Romântico. Arranjo de flores ou jardineira com vasos de plantas é uma boa ideia para enfeitar as mesas de centro
minhacasaminhacara/ divulgação
Romântico. Arranjo de flores ou jardineira com vasos de plantas é uma boa ideia para enfeitar as mesas de centro
“A decoração de ambientes precisa estar sempre criando o ‘novo’, a novidade não só do produto, mas da reformulação do seu uso, uma nova leitura dele”. A frase de Maria Tereza Duca, uma das sócias da Villa Maria, loja especializada em móveis e adornos para decoração, traduz uma das principais tendências do re-design, que coloca em evidência a reformulação da forma e do uso de determinado objeto ou produto.   Uma amostra desse fenômeno são as gaiolas, que começaram a ser habitualmente incorporadas e reaproveitadas no nosso dia a dia, desempenhando funções diversificadas na decoração. “O uso da gaiola nos ambientes pode ser bem eclético. Vai depender do estilo do espaço. Por exemplo, se você tiver um jardim ou uma varanda, pode-se usar uma gaiola feita de madeira ou fibra natural, fazendo a gaiola de vaso, colocando flores e plantas no seu interior”, afirma.  Fibra sintética, natural, plástico, ferro e madeira são os materiais mais comuns de serem encontrados no mercado. As gaiolas, geralmente, são peças fáceis de achar em antiquários, lojas de decoração, feiras, mercados e até em pet shops.    Além de diminuir os custos do projeto de decoração e criar ambientes únicos, a versatilidade nas composições é algo que tem atraído os moradores. Elas podem ser aplicadas como luminárias, pendentes, arandelas e abajures, arranjo de flor ou jardineira com vasos de plantas, porta-pratos e porta-talheres, com usos de pelúcia ou como escultura de parede. Outra opção para decoração noturna é esta gaiola com velas. As velas, quando acesas, refletem as grades da gaiola, produzindo um incrível efeito de luz e sombra. Tem também as gaiolas que assumem a função de mural e vêm com prendedores para pendurar fotos, bilhetes, cartões, listas de afazeres, dentre outros.    Segundo Maria Tereza, as gaiolas podem reinar em qualquer ambiente da casa. “Além das varandas e áreas externas, elas entraram para salas, banheiros, cozinhas e quartos, principalmente nos dormitórios infantis”, conta.   Aconchego Pintadas de cores diferentes e penduradas em alturas variadas, as gaiolas viraram luminárias no “Quarto do Bebê”, projetado pelas designers Élian Pérsia e Gabriela Hoepers, na mostra Morar Mais por Menos. “A ideia deu um toque de humor e trouxe mais aconchego ao ambiente. Tudo foi pensado no bem-estar da mãe com seu filho. Um dos conceitos que exploramos bem no projeto é a customização, já que conseguimos personalizar o espaço com coisas simples, que podem ser resgatadas dentro de casa”, pontua a designer Élian Pérsia.    Sofisticado, mas muito simples, o projeto mostra que com o garimpo de objetos é possível recriar ambientes e transformá-los em lugares personalizados e originais. “Além de aquecer, a iluminação dimerizada das luminárias ajudou muito a destacar outros elementos no espaço, como os tecidos na parede e a mobília”, diz. 

Leia tudo sobre: gaiolasdecoração