Gaiolas no décor

Peças são reinventadas para compor espaços na decoração com muito charme

iG Minas Gerais | Ana Paula Braga |

No projeto de Estela Netto, a arquiteta resgata gaiolas em metal que ganham destaque nesta sala
Jomar Bragança/ Divulgação
No projeto de Estela Netto, a arquiteta resgata gaiolas em metal que ganham destaque nesta sala
Já ficou para trás o tempo em que gaiolas eram apenas casinhas para manter passarinhos aprisionados. Com um pouco de criatividade na cabeça, essas peças – que resgatam estilos desde o retrô até o provençal – podem ser muito bem-aproveitadas de diversas maneiras na decoração da casa. Além de imprimir personalidade e garantir um espaço esteticamente bonito, a customização desses adornos é também uma forma de sair da mesmice, de fugir das padronizações e dos modismos que imperam no décor.    Sem dúvida, essas novas alternativas para compor os espaços da casa são capazes de inspirar bons projetos e ideias originais para a decoração. De acordo com especialistas, cada vez mais é possível perceber que as pessoas querem um ambiente particular e que imprima, de fato, a personalidade e as vivências da casa. E se o projeto de decoração estiver alinhado a uma proposta sustentável e econômica, fica ainda melhor.    Possibilidades Seja para iluminar, compor cenários ou dar destaque para um determinado item, é possível criar, recriar e intervir em qualquer peça ou mobiliário e, a exemplo das gaiolas, os elementos têm ganhado diferentes releituras. “No universo dos adornos tudo é possível, inclusive reinventar significados”, pontua a arquiteta Estela Netto.    A profissional, inclusive, não mediu esforços para criar em um de seus recentes projetos (foto acima) um ambiente de muito bom gosto com gaiolas de metal sobre a mesa de centro de uma sala de estar, que viraram as protagonistas do espaço com predominância de tons neutros e texturas ligadas a elementos naturais.   A arquiteta faz uma ressalva importante: “O mais imprescindível é que o estilo da gaiola combine com quem vai utilizar o espaço onde ela será especificada. Adornos, mais do que qualquer outro elemento, são superpessoais. Não existe algo pré-determinado. Nesse caso, o bom senso deve vir em primeiro lugar”, reforça.   A proposta de reaproveitar as gaiolas no décor é muito charmosa e também fez sucesso no Salão do Móvel de Milão de 20014. Prova disso foi o lançamento da luminária Tweet T., em formato de gaiola, assinada pelo designer Jake Phipps em parceria com a Bosa para a Casamania. Feitas à mão, elas são todas trabalhadas em metal, e os canários, em cerâmica, pintados de preto ou banhados a ouro 24 k. Um verdadeiro luxo!   De acordo com a designer de interiores Débora Aguiar, a variedade de materiais e objetos disponíveis permite o improviso e a aplicação das peças em contextos diversos. “O maior desafio é conscientizar os moradores de que o reciclado não é lixo, sendo necessário apenas saber reaproveitar peças com criatividade, readaptando os materiais para seu novo fim”, ressalta.  

Leia tudo sobre: gaiolasdecoração