Celebrando o rei da música pop

Megaprodução chega à cidade para recordar Michael Jackson

iG Minas Gerais | gustavo rocha |

Parecido com Michael, Rodrigo Teaser dedica sua carreira ao ídolo
DENIS ONO
Parecido com Michael, Rodrigo Teaser dedica sua carreira ao ídolo

Quem, com pouco mais de 30 anos de idade hoje, não arriscou passos de “Black and White”, “Beat It” ou mesmo de “Thriller” na sala de casa ou durante uma festa de família, sempre ouvindo da avó – “Muito bem, netinho! Está igual ao Michael Jackson”? Pois o que parecia mera diversão e hoje habita apenas a memória, da maioria, serviu de inspiração ao paulista Rodrigo Teaser, que apresenta o espetáculo “Tributo ao Rei do Pop”, no Chevrolet Hall, hoje.

“Eu cresci fazendo imitações de Michael Jackson, fui calouro do Raul Gil e ganhei um prêmio no programa da Mara Maravilha”, relata Teaser. A idolatria por Jackson trouxe, ao artista, o interesse pela música, pela dança e assim, “naturalmente” ele trilhou uma carreira colado à imagem de seu ídolo. “Com o passar do tempo, eu percebi que minha vontade, minha admiração por ele crescia”. E com isso, eu queria fazer algo maior. O que antes era uma brincadeira de adolescente se transformou na minha profissão”, diz.

O ano era 1993 e Rodrigo assistiu aos dois shows da turnê do rei do pop, que vinha ao Brasil. “Posso dizer que aqueles dois shows foram os momentos mais importantes da minha vida. Pensei, ‘é isso que eu quero fazer’. Percebi que iria trabalhar com algo relacionado à dança, à música, para o resto da vida”, destaca ele.

O show que ele apresentará hoje demorou dois anos para ser concebido e produzido e se baseia no documentário “This Is It”, de 2009, onde cenas dos últimos ensaios de Jackson são mostradas.

“O repertório é composto por todas as músicas do documentário e outras quatro que achamos importantes ter”, revela Teaser. Dentre elas, os clássicos: “Smooth Criminal”, “Billie Jean” e “Bad”.

Quanto aos efeitos espetaculares presentes nos shows originais de Jackson, Teaser revela que ele e a esposa, responsáveis pela produção, tentaram utilizar os recursos “dentro da realidade”. “A parte artística (arranjos e coreografias) está muito boa, fomos elogiados pelo coreógrafo do próprio Michael. Quanto aos efeitos, fizemos tudo aquilo que foi possível, sem que fosse caricatural. O Michael gostava muito de ilusionismo, recursos tecnológicos, tudo muito caro. Por outro lado, se fazemos um show desse tamanho sem esses recursos, ou algo parecido, o público ficará desapontado”, avalia Teaser.

Dentre os destaques da megaprodução, com banda ao vivo, estão bailarinos, efeitos especiais, elevador de palco e vídeos produzidos especialmente para o show.

Agenda O quê. “Tributo ao Rei do Pop”, com Rodrigo Teaser.

Quando. Hoje, às 22h

Onde. Chevrolet Hall (avenida Nossa Senhora do Carmo, 230, Savassi)

Quanto. Entre R$ 80 e R$ 100. R$ 40 e R$ 50 (meia-entrada)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave