Polícia reconstitui morte de menina em Santa Bárbara

iovanna Ramos Duarte, 10, atingida por uma bala enquanto andava de bicicleta em uma praça da cidade de Santa Bárbara, na região Central de Minas, no último dia 29

iG Minas Gerais | Natália Oliveira |

Menina brincava na rua com o pai, quando foi baleada.
Polícia Militar/Divulgação
Menina brincava na rua com o pai, quando foi baleada.

A Polícia Civil realizou nesta quinta-feira (24) a reconstituição da morte da menina Giovanna Ramos Duarte, 10, atingida por uma bala enquanto andava de bicicleta em uma praça da cidade de Santa Bárbara, na região Central de Minas, no último dia 29. Três suspeitos do crime foram presos.

A reconstituição foi feita no local onde o crime ocorreu e começou por volta das 9h. Os trabalhados duraram cerca de 3 horas.  Os suspeitos do crime Lucas Vinícius Silva, Felipe Ferreira da Silva e Márcio Emanuel dos Santos, todos de 18 anos,  não participarão da reconstituição por orientação do advogado de defesa.

O pai da menina e outras testemunhas participaram da reconstituição. O laudo com a conclusão dos trabalhos deve ficar pronto em 10 dias e será anexado ao inquérito que será entregue a Justiça. Relembre o crime

A menina Giovanna brincava com o pai quando começou um tiroteio na avenida Lucinda Libânio, no bairro São Vicente, e ela foi atingida. Lucas Vinícius da Silva, de 18 anos, que já foi detido oito vezes quando era menor de idade, tinha como alvo Diego Rafael Silva Ribeiro, de 21, que, segundo as investigações, tinha um caso com a ex-namorada do atirador.

Ribeiro levou um tiro na perna, que acertou também a cintura da garota. A criança sofreu três paradas cardíacas, foi transferida para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, na capital mineira, mas não resistiu aos ferimentos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave