Aposentado é morto por causa de herança em Ribeirão Vermelho

Vítima estava enterrada no quintal da própria casa, enrolado em um lençol e com os pés amarrados; caso será investigado pela Polícia Civil

iG Minas Gerais | Bruna Carmona |

Um homem de 56 anos foi encontrado enterrado no quintal da casa dele na tarde dessa quarta-feira (23), em Ribeirão Vermelho, no Sul do Estado. O corpo do aposentado Vicente Batista Assunção estava enrolado em cobertor, com os pés amarrados e marcas de violência. De acordo com a Polícia Militar (PM), a suspeita é de que a vítima tenha sido morta por três homens que pretendiam roubar cerca de R$ 15 mil que ela havia recebido como herança. Até o momento, dois suspeitos foram presos e um está foragido. Um dos homens detidos, que é detento albergado do presídio de Lavras, tem 37 passagens pela polícia.

A PM foi acionada por testemunhas que viram três homens carregando um corpo enrolado em um tecido próximo à casa onde a vítima morava sozinha, no bairro Engenho de Serra. Os militares foram até o local e encontraram o imóvel completamente revirado. O corpo de Assunção foi achado em uma cova de 1 m de profundidade, feita no quintal da residência. Há indícios de que ele tenha sido torturado pelos suspeitos.

A Polícia Civil vai investigar o que teria motivado o crime e a participação dos suspeitos. A dupla está provisoriamente detida no presídio de Lavras.

Leia tudo sobre: aposentadomortoherançaribeirão vermelhosul