Especialistas cobram punição mais eficaz

iG Minas Gerais | Jáder Rezende |

Especialistas em direito de trânsito defendem uma punição mais rápida e efetiva dos condutores irregulares, mas questionam o caráter educativo das medidas aplicadas. O perito de trânsito Osias Baptista acredita que deveria haver fiscalizações de rua mais efetivas, com blitze voltadas para flagrar motoristas com pontuação em excesso. “Esses condutores são um risco porque são, potencialmente, piores que os outros. Eles não ganharam esses pontos à toa”, afirmou.  

O advogado Sérgio Leonardo questiona o caráter educativo da suspensão das carteiras e das multas. Para ele, o aumento expressivo de processos administrativos indica um incremento exagerado da chamada indústria da multa.

“Há muito interesse dos órgãos envolvidos em arrecadar. Há um excesso de aplicação de multas que não corresponde ao caráter que deveria ser educativo do Código de Trânsito Brasileiro. A grande dúvida é: há interesse em ampliar a arrecadação de multas ou de cumprir a lei?”. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave