Após sofrer trauma no olho esquerdo, Elber corre risco de ficar cego

Médico celeste explicou que não há necessidade de cirurgia, mas atleta precisa se recuperar de um sangramento

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

Elber sofreu lesão muscular na coxa direita ao marcar o primeiro gol celeste
Washington Alves / VIPCOMM
Elber sofreu lesão muscular na coxa direita ao marcar o primeiro gol celeste

O meia-atacante Elber continua internado no hospital Materdei, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, tomando todos os cuidados para que ele possa se recuperar totalmente do trauma sofrido no olho esquerdo, no jogo contra o Cerro Porteño. A precaução se deve ao fato de existir o risco de o jogador ficar cego.

“Do ponto de vista médico, existe esse risco (de ficar cego), apesar de que ele vem evoluindo com melhora, o que é um bom sinal. Associado a idade dele, ao fato de ser um atleta jovem, aos cuidados que ele está recebendo no hospital, existe esse risco, mas ele é pequeno”, declarou o médico Sérgio Freire Júnior.

Ele explicou que não houve nenhum problema com o garoto que exija a realização de uma cirurgia, mas o atleta precisa se recuperar de um sangramento. “O Elber teve um trauma, uma pancada forte no olho esquerdo. A dor evoluiu. Ele fez uma baterias de exames neurológicos e oftamológicos. Não teve lesão séria, não necessita de nenhum procedimento cirúrgico, mas ele teve um sangramento e o organismo precisa absorvê-lo. Só que a absorção desse sangramento é lenta. Achamos melhor mantê-lo internado para ter um controle maior em relação aos cuidados e porque o trauma pode causar problemas à saúde do atleta”, relatou.