Caminhoneiro bêbado é preso e diz que bebeu 'só duas doses de cachaça'

Suspeito passou pelo teste do bafômetro, que constatou 0,94 mg de álcool por litro de ar expelido; segundo outros motoristas, o homem realizava manobras arriscadas na via

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um motorista de 48 anos foi preso após dirigir embriagado pela MG-424 em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte, no fim da noite dessa segunda-feira (21). O suspeito confessou ter ingerido “apenas duas doses de cachaça” antes de ir trabalhar.

O caminhoneiro, que saiu de Santa Catarina, no Sul do Brasil, em uma carreta carregada com cal, foi abordado na altura do KM 1 após outros motoristas avisarem à Polícia Militar Rodoviária que Fladenir Bacask estava fazendo manobras arriscadas na via.

Ao parar o veículo, o caminhoneiro apresentava hálito etílico, fala desconexa e olhos avermelhados.  Para os policiais, o homem contou que estava a caminho de Matozinhos, também na Grande BH.

Bascask foi submetido ao teste do etilômetro, que apontou 0,94 mg de álcool por litro de ar expelido, caracterizando crime de trânsito. Mesmo confessando ter bebido cachaça, para a polícia, a quantidade informada como ingerida não é capaz de apontar um número tão alto no bafômetro.

O condutor da carreta foi levado para a Delegacia de Plantão de Vespasiano e teve a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida.

Leia tudo sobre: MG-424VESPASIANOCARRETA