Clube quer desfazer mau retrospecto no Independência

Campanha em casa foi decisiva para que o time não conseguisse o acesso para a Série A do Brasileirão

iG Minas Gerais | Antônio Anderson |

Diferença. Equipe do Coelho pouco usufruiu do fato de jogar em casa na temporada passada
Joao Godinho/O Tempo
Diferença. Equipe do Coelho pouco usufruiu do fato de jogar em casa na temporada passada

Depois de empatar em 1 a 1 com o Vasco no seu jogo de estreia na Série B do Campeonato Brasileiro, o América voltou ontem aos treinamentos no CT Lanna Drumond, já visando a partida de sábado, em casa, contra o Ceará. Diferente do ano passado, quando não conseguiu bons resultados como mandante na competição, o objetivo do América a partir desse confronto contra os cearenses é fazer do Horto um caldeirão para vencer os adversários e conseguir a tão sonhada classificação para a elite do Brasileirão.

Na Série B de 2013, o América brigou até a penúltima rodada pelo acesso, mas o aproveitamento do time como mandante acabou comprometendo a vaga. O Coelho fez 19 jogos diante de sua torcida, sendo um na Arena do Calçado, em Nova Serrana, e obteve um aproveitamento de só 47,3%. Foram seis vitórias, nove empates e quatro derrotas.

Apesar de ter realizado bons jogos como visitante, os resultados em casa não ajudaram o time a conseguir seu objetivo, o acesso.

Nas partidas que fez como mandante no ano passado, o alviverde venceu Oeste, Sport, São Caetano, Guaratinguetá, ASA e Atlético-GO; empatou com Paraná, Bragantino, Ceará, América-RN, Palmeiras, Avaí, Chapecoense, Boa Esporte e ABC, e perdeu para Figueirense, Joinville, Icasa-CE e Paysandu. O América terminou a Série B em nono lugar, com 57 pontos ganhos, três a menos do que o Figueirense, que foi o quarto na tabela e conseguiu subir.

“O importante é ter esse equilíbrio de buscar somar pontos fora de casa e procurar vencer o adversário quando formos mandantes”, destacou o técnico Moacir Júnior.

Até a parada para a Copa do Mundo, o Coelho vai fazer dez jogos na Série B, sendo quatro em casa contra Ceará, Vila Nova-GO, Joinville e Náutico. Desses compromissos, o América terá que enfrentar Joinville e Náutico fora de Belo Horizonte. Isso porque o Independência já vai estar liberado para a Fifa para servir como centro de treinamentos para seleções que vão disputar o Mundial no Brasil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave