Homem é agredido com coronhadas e morre após ser baleado em Betim

Vítima estava bebendo com um amigo em uma casa quando foi surpreendido pelo suspeito que o agrediu e depois atirou; ele foi morrer na cozinha de uma casa vizinha

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Um homem foi assassinado a tiros depois de levar coronhadas de revólver na cabeça na noite desse domingo (20) em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Para fugir, a vítima entrou dentro de uma casa vizinha, mas acabou não resistindo aos ferimentos e morreu na cozinha.

Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu no bairro Industrial São Luiz, em um local conhecido como favela do Buracão. Leandro da Silva estava em uma casa bebendo com um amigo, mas assim que ficou sozinho no local, quando o amigo saiu por um instante, um homem armado apareceu e começou a agredir Leandro com coronhadas na cabeça.

Após isso, a vítima foi baleada e, desesperada, saiu correndo do local e entrou em outra casa, fazendo com que os moradores saíssem correndo, com medo. Leandro morreu na cozinha dos vizinhos. Testemunhas contaram que viram quando o suspeito entrou em um carro escuro que estava estacionado perto do local dando cobertura e fugiu.

A vítima foi atingida nove vezes e teve marcas de tiros por todo o corpo, além de cortes na cabeça causados pelas coronhadas. Ele tinha passagens pela prisão por tráfico de drogas e roubos. O suspeito não foi mais localizado e as causas do crime ainda são desconhecidas. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave