Sem receio de ficar no ostracismo

iG Minas Gerais |

Natural de Curitiba e acostumada a fazer muitos testes desde que teve sua primeira experiência televisiva, Polliana Aleixo mostra-se positiva em relação à carreira. “Nunca tive medo de não conseguir outros trabalhos. Sei que muitos atores que começaram cedo acabaram no esquecimento. Mas acho que essa despretensão acabou me dando sorte”, comemora.

Desde a estreia, inclusive, a atriz gaba-se de participar de, pelo menos, uma produção por ano. A exceção fica com 2013. Depois de trabalhar seguidamente em cinco produções, ela fez questão de ficar um tempo fora do ar. “Apesar da saudade, foi bacana ficar um ano distante. Pude ficar ainda mais perto da minha família, viajar e espairecer”, conta.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave