Cibulkova vence e fará final com juvenil na Malásia

Croata Donna Vekic, de apenas 17 anos, que também conquistou um triunfo de virada neste sábado, será a próxima adversária

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

A eslovaca Dominika Cibulkova garantiu vaga na final do Torneio de Kuala Lumpur, neste sábado, ao vencer a checa Karolina Pliskova por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 6/7 (3/7), 6/3 e 6/3. Cabeça de chave número 1 na Malásia e atual décima tenista do ranking mundial, ela sofreu um pouco para confirmar seu favoritismo, mas atuará neste domingo como grande favorita ao título da competição. O seu favoritismo não é para menos, pois a sua próxima rival será a juvenil croata Donna Vekic, de apenas 17 anos, que também conquistou um triunfo de virada neste sábado. Ela desbancou a chinesa Shuai Zhang, segunda cabeça de chave, ao ganhar com parciais de 1/6, 6/3 e 6/4. Vekic é a atual 93ª colocada do ranking da WTA e antes já havia surpreendido ao eliminar a austríaca Patricia Mayr-Achleitner, quarta pré-classificada, nas quartas de final. Agora, porém, terá pela frente uma rival que foi finalista do último Aberto da Austrália e faz parte do Top 10. Para se garantir na decisão deste domingo, Cibulkova precisou jogar 2 horas e 29 minutos diante de Pliskova, que levou a melhor no tie-break do primeiro set depois de cada tenista ter obtido duas quebras de saque nesta parcial. A partir do segundo set, porém, a eslovaca começou a reagir e, ao converter dois break points e não ter o serviço quebrado, fez 6/3 para empatar o duelo. E, na parcial decisiva, com mais uma quebra em sete oportunidades, repetiu o 6/3 que liquidou o confronto. Vekic, por sua vez, parecia que seria arrasada por Shuai Zhang ao levar um 6/1 no primeiro set. Com duas quebras de saque e sem ter o serviço ameaçado, a chinesa abriu vantagem rápido. No segundo set, porém, a juvenil croata voltou com tudo, obteve duas quebras e fez 6/3 para empatar o jogo. Já na terceira parcial, mais uma vez ao converter dois break points e sofrer apenas uma quebra, conseguiu o 6/4 que definiu a sua vitória.

Leia tudo sobre: cibulkovafinalmalásiacroatatênis