Jornalistas franceses raptados na Síria ganham liberdade

Em comunicado, presidente diz que jornalistas estão "bem de saúde, apesar das condições muito duras" que enfrentaram no cativeiro

iG Minas Gerais | Da redação |

Quatro jornalistas franceses que haviam sido raptados na Síria em meados ano passado foram libertados, informou o governo francês neste sábado, 19. Em comunicado, o Palácio do Eliseu disse que o presidente francês, François Hollande, expressou "imenso alívio" com a libertação de Edouard Elias, Didier François, Nicolas Henin e Pierre Torres e que os jornalistas estão "bem de saúde, apesar das condições muito duras" que enfrentaram no cativeiro. Os jornalistas desapareceram em dois incidentes separados na Síria, em junho de 2013. Ainda segundo o comunicado, Hollande continua preocupado com dois outros cidadãos franceses que são mantidos como reféns na região de Sahel, na África.

Agência Estado

Leia tudo sobre: JornalistasSírialibertados