Martino diz confiar que fica no Barcelona mesmo após vice

Temporada atípica e sem títulos no time catalão não preocupa o treinador, que amargou o vice da Copa do Rei nesta tarde

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Tata Martino será o sucessor de Tito Villanova no comando do Barcelona
MUNDO DEPORTIVO/REPRODUÇÃO
Tata Martino será o sucessor de Tito Villanova no comando do Barcelona

O técnico Gerardo Martino tinha nesta quarta-feira a chance de minimizar a crise no Barcelona com o título da Copa do Rei, mas a derrota por 2 a 1 para o Real Madrid na decisão se transformou em mais uma das muitas decepções recentes do clube catalão. Acostumado a títulos nos últimos anos, o time deve passar em branco em 2013/2014, já que caiu nas quartas de final da Liga dos Campeões e é apenas o terceiro no Campeonato Espanhol.

A sequência de fracassos, como o desta quarta-feira, parece não tirar a confiança do treinador, que acredita na sua permanência para a próxima temporada. "Tenho dito há um, dois, três meses agora, que não sinto que meu futuro tenha mudado por tudo que nós perdemos, e nem penso que seria diferente se tivéssemos vencido."

Martino tem mais um ano de contrato e disse acreditar que vai cumpri-lo, mas não escondeu a decepção com os últimos resultados. No último fim de semana a equipe foi derrotada pelo Granada no Espanhol, e na quarta passada caiu na Liga dos Campeões diante do Atlético de Madrid. "Obviamente esse não é um bom momento. Tem sido uma semana difícil em todas as frentes."

Sobre o duelo desta quarta, o treinador reconheceu os méritos do Real, principalmente de Gareth Bale. No segundo gol madrilenho, já aos 39 minutos da segunda etapa, o galês arrancou de seu campo de defesa, ganhou no corpo de Bartrá e, com uma velocidade incrível, chegou na frente do defensor para marcar. "É difícil ver um jogador dar uma arrancada dessa neste estágio do jogo. A partida estava nos nossos modos até este contra-ataque."

Leia tudo sobre: barcelonatata martinotecnicoespanhafutebolcopa do rei