Osvaldo vê Brasileiro de 2013 como lição no São Paulo

Para o atacante, sufoco do ano passado não pode se repetir nesta temporada. Clube brigou contra o rebaixamento no Brasileirão

iG Minas Gerais | Agência Estado |

Escalação do jogador deve ser definida apenas horas antes da partida
Wander Roberto/VIPCOMM
Escalação do jogador deve ser definida apenas horas antes da partida

O São Paulo estreia neste domingo no Campeonato Brasileiro diante do Botafogo determinado a transformar a péssima campanha do ano passado em algo que nunca mais será repetido. Mas ao invés de esquecer o fiasco de 2013, quando o time passou praticamente a competição inteira fugindo do rebaixamento, os jogadores querem usá-lo como referência para não repetir os erros. "Vivemos dias de terror, estávamos para cair para a Série B e o São Paulo nunca caiu, está sempre buscando títulos. Não saíamos de casa, ninguém dormia bem, a torcida ficava pressionando. Temos que pegar essas coisas como exemplo, time grande não pode estar nessa situação", afirmou Osvaldo. O próprio atacante é um exemplo do declínio da equipe na temporada passada. Após começar o ano como grande destaque ao lado de Jadson e chegar à seleção, Osvaldo despencou de rendimento e passou a ser uma das últimas opções de Muricy Ramalho para o ataque. Quase foi negociado no início deste ano, mas deu a volta por cima e retomou o posto de titular. Novamente com a confiança em alta, seu principal objetivo é repetir o desempenho do Brasileiro de 2012, quando foi um dos destaques da equipe no segundo turno e na conquista da Copa Sul-Americana. "Fiz um ótimo Brasileiro, mas no ano passado também não fui bem. Minha meta esse ano é continuar o que estou fazendo com assistência e gols, minha meta também é fazer gol. Fiz poucos gols ano passado, só cinco. Quero me firmar ainda mais", diz o jogador, que marcou três gols em 18 partidas nesse ano.