Santos busca superar desânimo para enfrentar Mixto

No último domingo, o time da Vila Belmiro foi superado pelo Ituano na grande final do Campeonato Paulista e agora espera dar a volta por cima na Copa do Brasil

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Apenas três dias depois de fracassar na decisão do Campeonato Paulista diante do Ituano, o Santos enfrenta o Mixto nesta quarta-feira, a partir das 22 horas, na Vila Belmiro, com a obrigação de avançar à segunda fase da Copa do Brasil para não agravar o clima de desânimo que já toma conta do clube. No jogo de ida do confronto, disputado na recém-inaugurada na Arena Pantanal, em Cuiabá, o resultado foi empate por 0 a 0.

Rildo, com entorse no tornozelo direito, é desfalque certo. Thiago Ribeiro, com uma pancada na coxa esquerda, está em tratamento e dificilmente será liberado para jogar. Leandro Damião sente incômodo na coxa direita e também é dúvida. E até mesmo Cícero, que raramente desfalca o time, é problema dessa vez: a explicação é que ele se recupera do pisão que sofreu no primeiro tempo do jogo de domingo, quando o Santos perdeu para o Ituano nos pênaltis.

Ainda de ressaca pela vice-campeonato paulista, os titulares fizeram exercícios na academia na tarde desta terça-feira e só saíram para correr durante 10 minutos em volta dos campos do CT Rei Pelé. Os jogadores continuam abatidos e nenhum deles se dispôs a dar entrevista. Mesmo sendo véspera de jogo decisivo, também o treinador Oswaldo de Oliveira não falou com os jornalistas. Zinho, gerente de futebol do clube, foi quem apareceu para dar coletiva. "Não tem muito tempo para a recuperação. É dolorido, doído, não conquistar um título depois da brilhante campanha que o Santos fez", disse o dirigente.

O mistério com relação à escalação vai ser mantido até a hora do time entrar em campo. Como o Santos foi atendido no pedido que fez à CBF, conseguindo a dispensa de Gabriel e Alison, que deveriam estar treinando com a seleção olímpica em Mogi das Cruzes (SP), tudo indica que Leandro Damião não será escalado para jogar contra o Mixto. Assim, o ataque santista deve ser formado por Geuvânio, Gabriel e Stefano Yuri. Enquanto isso, Alison formaria o meio-de-campo com Arouca e Lucas Lima.

Leia tudo sobre: santoscopa do brasilmixtojogo