Rubén Magnano encerra visita aos jogadores brasileiros da NBA

Comandante da seleção tupiniquim afirmou que a visita teve um saldo positivo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Magnano já visa o Mundial de Basquete
CBB/Divulgação
Magnano já visa o Mundial de Basquete

O técnico da seleção brasileira masculina de basquete, Rubén Magnano, e o diretor técnico da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), Vanderlei Mazzuchini, encerraram a série de visitas a jogadores brasileiros que atuam na NBA com um saldo positivo. De acordo com Vanderlei, os encontros foram importante na preparação para o Mundial de Basquete, que será disputado na Espanha entre os dias 30 de agosto e 14 de setembro.

"Concluímos com êxito nossos encontros com os cinco jogadores brasileiros que atuam na NBA. E é importante agradecer ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que entendeu os motivos de nossa vinda aos Estados Unidos como uma importante etapa da preparação para a Copa do Mundo da Espanha e nos deu o suporte necessário para a viagem”, destacou Vanderlei.

O último jogador visitado por Magnano e Vanderlei foi Nenê Hilário. Com o pivô, eles conversaram sobre a temporada do brasileiro no Washington Wizards, classificado aos playoffs da NBA, e passaram a programação da seleção brasileira para o Mundial de Basquete, com apresentação prevista para o dia 20 de julho.

Antes, eles haviam visto Nenê em ação na vitória do Wizards sobre o Miami Heat por 114 a 93, em casa. O brasileiro foi um dos destaques da equipe de Washington na partida, com 18 pontos, quatro rebotes e duas assistências nos 24 minutos em que permaneceu em quadra.

Além de Nenê, Magnano também se encontrou com Leandrinho Barbosa Tiago Splitter, Anderson Varejão e Vitor Faverani nos últimos dias nos Estados Unidos. De acordo com Vanderlei, todos eles se mostraram dispostos e animados a atuar pela seleção brasileira. E a ideia desses encontros foi exatamente tentar evitar que se repita os cortes de outras ocasiões, quando os principais jogadores da seleção pediram dispensa.

O Brasil foi sorteado para o Grupo A do Mundial de Basquete, com sede em Granada, e terá como adversários na primeira fase a França (30 de agosto, às 13 horas de Brasília), o Irã (31, às 13h), a Espanha (1º de setembro, às 17h), a Sérvia (3, às 13h) e o Egito (4, às 10h30).

Leia tudo sobre: basqueteesporteruben magnanotecnicotreinadorselecao brasileira