Djokovic massacra espanhol na estreia em Montecarlo

Número 2 do mundo precisou de apenas 45 minutos para garantir a vitória sobre Albert Montañes, que marcou só um ponto no jogo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Djoko comprovou que Wawrinka é seu freguês e venceu o 14º jogo em 16 partidas com o rival
Divulgação/US Open
Djoko comprovou que Wawrinka é seu freguês e venceu o 14º jogo em 16 partidas com o rival

O sérvio Novak Djokovic não teve qualquer problema pra avançar na sua partida de estreia no Masters 1000 de Montecarlo, disputado em quadras de saibro. Nesta terça-feira, o número 2 do mundo precisou de apenas 45 minutos para derrotar o espanhol Albert Montañes, 57º colocado no ranking e que veio do qualifying, por 2 sets a 0, com parciais de 6/1 e 6/0.

Djokovic até levou um susto no terceiro game da partida, quando chegou a estar perdendo por 0/40 no seu saque, mas logo se recuperou diante de Montañes, algoz do brasileiro Thomaz Bellucci no qualifying em Montecarlo. O sérvio venceu 11 games seguidos, com cinco quebras de saque, e aplicou um "pneu" no segundo set para ganhar a partida.

Assim, Djokovic fez 6 a 0 no confronto direto com Montañes. O próximo adversário do sérvio ainda está indefinido. Ele pode ser o espanhol Pablo Carreno-Busta, número 62 do mundo, que bateu o croata Ivan Dodig com um duplo 6/3 nesta terça-feira, ou o vencedor do duelo entre o sul-africano Kevin Anderson e o francês Gael Monfils.

Também nesta terça-feira, o francês Jo-Wilfried Tsonga venceu na sua estreia em Montecarlo. O número 12 do mundo garantiu presença nas oitavas de final do torneio ao derrotar o alemão Philipp Kohlschreiber, 25º colocado no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 1/6 e 6/4, em 1 hora e 51 minutos.

A vitória desta terça-feira foi a sétima de Tsonga em oito confrontos com Kohlschreiber. Semifinalista em Montecarlo no ano passado, o francês vai enfrentar nas oitavas de final o vencedor do duelo entre o italiano Fabio Fognini e o espanhol Roberto Bautista Agut.

Vice de Montecarlo no ano passado, onde foi campeão entre 2005 e 2012, o espanhol Rafael Nadal vai estrear nesta edição do Masters 1000 diante do russo Teymuraz Gabashvili. Nesta terça-feira, o número 58 do mundo avançou ao derrotar o francês Gilles Simon, número 28 do mundo, por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/4 e 6/4. O número 1 do mundo lidera o confronto direto por 3 a 0.

Ainda pela primeira rodada, o búlgaro Grigor Dimitrov, número 14 do mundo, derrotou o espanhol Marcel Granollers, 32º colocado no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/2, 4/6 e 6/2.

O russo Mikhail Youzhny, número 15 do mundo, foi eliminado ao perder para o italiano Andreas Seppi, 35º colocado no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/4). O polonês Jerzy Janowicz, número 21 do mundo, também caiu na primeira rodada ao ser batido pelo francês Michael Llodra, 147º colocado no ranking por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2.

O espanhol Guillermo Garcia-Lopez, o francês Julien Benneteau e o taiwanês Lu Yen-Hsun avançaram para a segunda rodada do Masters 1000 de Montecarlo nesta terça-feira.

Leia tudo sobre: tenisdjokovicsaibromontecarlo