Fifa prevê alta procura por últimos ingressos para a Copa do Mundo

Última fase de comercialização das entradas será exclusiva para cartões de crédito e débito da Visa e será realizada no site da Fifa ou em postos de venda

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Partida de abertura da Copa das Confederações entre Brasil e Japão começa às 16h deste sábado
JOSIAS PEREIRA/WEBREPÓRTER
Partida de abertura da Copa das Confederações entre Brasil e Japão começa às 16h deste sábado

Na véspera para o início da última fase de vendas dos ingressos para a Copa do Mundo do Brasil, a expectativa na Fifa é grande. A entidade prevê alta procura pelos 199.519 bilhetes ainda restantes para a competição, que começarão a ser comercializados nesta terça-feira, à partir das 7 horas (de Brasília).

"Faltando menos de dois meses para a competição, esta é a última chance para que os torcedores garantam seus ingressos para o principal torneio de futebol do mundo. Estou confiante de que teremos uma grande procura pelos ingressos restantes, não somente por parte dos fãs brasileiros, mas também por pessoas de todo o mundo", disse o diretor de marketing da Fifa, Thierry Weil.

Apenas dez dos 64 jogos do Mundial já não têm mais ingressos disponíveis: Brasil x Croácia, México x Camarões, Inglaterra x Itália, Argentina x Bósnia, Brasil x México, Espanha x Chile, Camarões x Brasil, Croácia x México, Austrália x Espanha, além da grande final.

A última fase de comercialização das entradas será exclusiva para cartões de crédito e débito da Visa e será realizada no site da Fifa ou em postos de venda - esta última opção estará disponível apenas a partir do dia 1.º de junho. "Lembramos mais uma vez aos compradores a importância de se garantir a disponibilidade de fundos suficientes para que seu respectivo método de pagamento seja concluído", apontou a entidade, em comunicado.

A Fifa ainda informou que 2.577.662 já foram vendidos nas fases anteriores de comercialização. De acordo com o último balanço da entidade, mais de um milhão foram destinados a brasileiros.