Avião russo sobrevoou navio dos EUA no Mar Negro

Os comandantes da embarcação consideraram as ações provocativas e inconsistentes com os acordos internacionais, o que levou a execução de diversas consultas por rádio e enviar avisos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Um jato de combate da Rússia sobrevoou durante 90 minutos e se aproximou de um navio de guerra dos EUA no Mar Negro no sábado (12), em meio à escalada de tensões na região, segundo um militar norte-americano.

No primeiro relato público sobre o incidente, o oficial disse que a aeronave russa voou a uma distância de 900 metros do navio USS Donald Cook, um destroier da marinha, a cerca de 150 metros acima do nível do mar. Os comandantes de navio consideraram as ações provocativas e inconsistentes com os acordos internacionais, o que levou o navio a executar diversas consultas por rádio e enviar avisos.

Segundo a fonte, o avião parecia estar desarmado e não mostrou intenção de entrar em contato com o navio. O oficial também disse que um navio da Marinha russa, uma fragata, acompanhou o navio de guerra dos EUA, permanecendo dentro da distância visual mas não perto o suficiente para ser inseguro.

O USS Donald Cook tem realizado operações de rotina em águas internacionais ao leste da Romênia. O navio, que transporta helicópteros, foi deslocado para o Mar Negro em 10 de abril, após a anexação da região da Crimeia à Rússia. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave