Ucrânia pede tropas de paz da ONU no leste do país

O pedido é feito por um governo que tem se mostrado incapaz de conter os separatistas na região, em que se fala russo, onde insurgentes ocupam prédios do governo

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

 O grupo também anunciou, segundo a Interfax, um referendo para a população decidir se o território será anexado à Rússia antes do dia 11 de maio
AP
O grupo também anunciou, segundo a Interfax, um referendo para a população decidir se o território será anexado à Rússia antes do dia 11 de maio

O presidente interino da Ucrânia, Oleksandr Turchynov, pediu o envio de tropas de paz da Organização das Nações Unidas (ONU) para a região leste do país, onde insurgentes pró-Rússia estão ocupando edifícios em quase dez cidades.

Em uma conversa por telefone com o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, Turchynov sugeriu que uma "operação antiterrorismo" seja realizada conjuntamente pelas forças de segurança ucranianas e pelas tropas da ONU, de acordo com informações do site da presidência do país. O envio de pacificadores da ONU teria de ser autorizado pelo Conselho de Segurança da instituição, no qual a Rússia tem poder de veto.

O pedido é feito por um governo que tem se mostrado incapaz de conter os separatistas na região leste do país, em que se fala russo, onde insurgentes ocupam prédios do governo há uma semana. O prazo estabelecido por Turchynov para que os insurgentes deixassem os edifícios terminou nesta manhã sem qualquer sinal de ação de retirada. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave