Samudio: 'Quero ser campeão e ficar muito tempo no Cruzeiro'

Lateral paraguaio comentou a expectativa para o clássico com o Atlético que vale o título do Campeonato Mineiro

iG Minas Gerais | GABRIEL PAZINI* |

Brazil's Cruzeiro's Miguel Samudio watches his shot past Chile's Universidad de Chile's goalkeeper Jhonny Herrera at a Copa Libertadores soccer match in Santiago, Chile, Thursday, April 3, 2014. (AP Photo/Victor Ruiz Caballero)ta0401
Associated Press
Brazil's Cruzeiro's Miguel Samudio watches his shot past Chile's Universidad de Chile's goalkeeper Jhonny Herrera at a Copa Libertadores soccer match in Santiago, Chile, Thursday, April 3, 2014. (AP Photo/Victor Ruiz Caballero)ta0401

O lateral-esquerdo paraguaio Miguel Samudio tem conquistado seu espaço no Cruzeiro. Com boas atuações pela Libertadores e pelo Campeonato Mineiro, o jogador tem a confiança do técnico Marcelo Oliveira e da torcida, mas quer mais. E o primeiro objetivo é vencer o Atlético no clássico deste domingo, às 16h, no Mineirão, e conquistar seu primeiro título com a camisa celeste, o Campeonato Mineiro.

"Quero ser campeão mineiro. É um título muito importante para mim, para meus companheiros, para o clube e, principalmente, para os torcedores. Quero ficar aqui no Cruzeiro por muito mais tempo e, para isso, tenho que conquistar títulos e dar o meu máximo", afirma Samudio ao Super FC.

Para conquistar o Estadual, a Raposa precisa apenas de um empate, mas o paraguaio não quer que o time celeste entre com esse espírito. "A final é um jogo muito importante. Temos que entrar para ganhar e não para empatar. Não podemos entrar dessa forma, temos que entrar para ganhar. Sempre tem que ser assim. Estou seguro que, se entrarmos com tudo, vamos fazer um bom jogo e sair campeões do Mineiro", diz o lateral.

Samudio também comentou sobre a presença e a diferença de Ronaldinho. O camisa 10 alvinegro não atuou na primeira partida, disputada no Independência, mas deve começar jogando no Mineirão. "O Ronaldinho é um jogador de classe mundial e muito experiente, que precisa ser marcado de uma forma diferente, mas temos jogadores capazes de marcá-lo", analisa o paraguaio, que afirmou que vai realizar um sonho ao enfrentar o meia atleticano.

"É um sonho enfrentar um jogador conhecido e de tanta experiência como o Ronaldinho. Ele é um ídolo, mas vamos jogar com tudo e dar o nosso máximo. O jogo é muito importante e temos todas as condições de vencer e ser campeões".

*com supervisão de Leandro Cabido

Leia tudo sobre: futebol nacionalcruzeiroraposacampeonato mineirosamudio