Irã não planeja nomear novo representante para ONU

Escolha surte efeito depois que os EUA decidiram bloquear a entrada do diplomata Hamid Aboutalebi, escolhido por Teerã

iG Minas Gerais | Da redação |

O Irã alega que não tem planos para nomear um novo representante para a Organização das Nações Unidas (ONU), depois que os Estados Unidos decidiram bloquear a entrada do diplomata Hamid Aboutalebi, escolhido por Teerã. O vice-ministro de Relações Exteriores, Abbas Araghchi, disse neste sábado, 12, que a República Islâmica visa contestar a decisão dos EUA através dos canais legais, segundo a agência de notícias Mehr. Os EUA bloquearam a escolha do Irã, pois alega que Hamid Aboutalebi participou da invasão da embaixada dos EUA em Teerã, em 1979, no qual 52 norte-americanos foram mantidos reféns por 444 dias. Aboutalebi afirma que ele era apenas um tradutor, quando estudantes ativistas entraram na embaixada. O Irã diz que ele é um dos melhores diplomatas do país, e que Aboutalebi recebeu anteriormente um visto dos EUA. Ele já serviu em missões diplomáticas iranianas na Austrália, Bélgica e Itália.

Agência Estado

Leia tudo sobre: IrãONUEUA