Guardas municipais fazem passeata antes de reunião na ALMG

Agentes saíram pelas ruas da capital, em marcha, e se concentraram, principalmente, na praça Sete, antes de acompanharem a reunião sobre as reivindicações da categoria

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Cerca de 150 guardas municipais tomaram as ruas do centro da capital nesta sexta-feira (11), em uma passeata pela praça Sete com destino a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O objetivo é acompanhar a reunião sobre as reivindicações da categoria que acontecerá no local às 14h.

Chamada de “Marcha Azul Marinheiro”, o movimento foi organizado pelo Sindicato dos Guardas Municipais de Minas Gerais (Sindiguardas-MG) e contou com a participação de agentes de todo o Estado. Segundo a BHTrans, ainda não houve registro de complicações no trânsito. O Batalhão de Trânsito da Polícia Militar acompanha o movimento.

Por meio de nota, a prefeitura informou que as principais reivindicações da categoria e do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Belo Horizonte (Sindibel) já foram aprovadas em reunião ocorrida nessa quinta-feira (10). São elas a retirada do artigo do Estatuto da Guarda Municipal que veda a filiação sindical, a redução da jornada de trabalho de 44 para 40 horas semanais sem alteração no salário, e o pagamento de Adicional de Periculosidade, que será de 30%, no entanto, 15% incorporados ao salário a partir de setembro deste ano e os outros 15% em setembro do ano que vem.

As outras exigências da categoria serão levadas para negociação, segundo a prefeitura. “Outras reivindicações, que envolvem análises mais complexas, como reajuste na Gratificação por Disponibilidade Integral (GDI), equiparação salarial com os órgãos de segurança do Estado, pagamento de adicional noturno, aumento no valor do vale-lanche e seguro de vida serão levadas à Mesa de Negociação Sindical, um canal de discussão permanente instituído pela Prefeitura, que reúne representantes do Executivo e do funcionalismo”, esclareceu a nota. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave