Brilhantes versões aportam em Belo Horizonte

Beatles, Zé Ramalho e Cazuza ganham covers de grandes músicos em série de apresentações no Palácio das Artes

iG Minas Gerais | Lucas Buzatti |

No sábado, a cantora e violonista Maria Gadú vai destilar sucessos da carreira de Cazuza no Palácio das Artes
Ricardo Nunes
No sábado, a cantora e violonista Maria Gadú vai destilar sucessos da carreira de Cazuza no Palácio das Artes

Controvérsias não faltam quando o assunto é cover. Mas, no caso do projeto Banco do Brasil Covers, é difícil não se interessar pelas versões. O projeto consiste numa série de shows de grandes nomes da música brasileira interpretando seus compositores favoritos.

A primeira apresentação é da banda formada por Dado Villa-Lobos, João Barone, Toni Platão e Leoni, sob a batuta do produtor musical Liminha, que vai destilar sucessos dos Beatles hoje, no Grande Teatro do Palácio das Artes. Amanhã, é a vez de Maria Gadú interpretar sucessos de Cazuza, como “Faz Parte do Meu Show” e “Ideologia”, entre outros. E, no domingo, Zeca Baleiro imprime seu olhar sob o cancioneiro de Zé Ramalho, que conta com clássicos como “Avohai” e “Táxi Lunar”.

Fã de Beatles desde os sete anos de idade, Dado Villa-Lobos relata que algumas canções do quarteto de Liverpool ganharam nova roupagem para o show. “Fazemos medleys interessantes, inserções e citações de outras bandas célebres do rock, como Rolling Stones e Led Zeppelin”, conta. Para Dado, a afinidade entre os músicos deu força à banda e, consequentemente, à interpretação do repertório. “Somos todos amigos, esse encontro foi uma grande alegria. Tudo muito vibrante, muito pra cima. Conseguimos adquirir uma identidade de banda mesmo, cada um trouxe sua personalidade musical para o som dos Beatles”, explica.

João Barone completa que, com os ensaios e shows, a banda conseguiu deixar uma “marca própria” nas músicas. “Tem algumas coisas que estão dentro da moldura dos arranjos originais. Outras já são releituras. Conseguimos uma certa ambição artística e o Liminha contribuiu muito para chegar nesse ponto. Afinal, estamos falando de um dos maiores produtores da música pop brasileira, que vivenciou a ‘beatlemania’ no auge”, assinala o baterista.

Dado diz que foi difícil lidar com a “unanimidade” que é o quarteto de Liverpool. “É sério, não é fácil. Mas o show ganhou um caráter bem diverso. Tem a leveza e ao mesmo tempo a grandeza dos Beatles. É um espetáculo lindo”, adianta ele, que lembra também a paixão de Renato Russo pelo Fab Four. “O Renato era ‘beatlemaníaco’. Para ele, os maiores baixistas do mundo eram o Paul McCartney e o Brian Wilson, do Beach Boys”.

Um dos mais renomados bateristas do Brasil, João Barone aproveita para pedir respeito ao legado de Ringo Starr. “Gosto muito de brigar quando falam que o Ringo não era um bom baterista. Ele não era um baterista ‘flamboyant’, não gostava de se mostrar. Mas foi o primeiro a caracterizar a bateria explosiva do rock. É preciso mais sensibilidade para compreender e respeitar Ringo. Não haveria Beatles sem ele”, defende.

O repertório do show de hoje não segue linha cronológica e alterna clássicos de diferentes fases dos Beatles – de “Come Together” a “Strawberry Fields”, de “All My Loving” a “Lucy In The Sky With Diamonds”. A apresentação contará, ainda, com participações especiais de Paulo Miklos, André Frateschi e Marjorie Estiano.

João Barone faz questão de ressaltar a qualidade dos outros dois espetáculos que integram o Banco do Brasil Covers. “São dois shows sensacionais. A interpretação de Cazuza da Maria Gadú está emocionante. E do Zeca Baleiro nem se fala. O pacote todo está muito bacana. Os mineiros não podem perder”, assegura.

Serviço Banco do Brasil Covers. Dado Villa-Lobos, João Barone, Toni Platão, Leoni e Liminha cantam e tocam The Beatles, hoje, às 21h. Maria Gadú canta Cazuza, amanhã, às 21h (esgotado). Zeca Baleiro canta Zé Ramalho, domingo, às 20h. Grande Teatro do Palácio das Artes (av. Afonso Pena, 1537, Centro, 3236-7400). Plateia I: R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia). Plateia II: R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia). Plateia III: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave