TRE julga embargos e mantém cassação

iG Minas Gerais | Da redação |

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais julgou nesta quinta os quatro embargos declaratórios opostos contra a decisão do do próprio tribunal que confirmou a cassação do prefeito de Nova Lima, Cássio Magnani Júnior (PMDB), e de sua vice, Maria de Fátima Monteiro de Aguiar (PT). A votação resultou na manutenção da cassação.

No entanto, em virtude de liminar concedida pelo TSE na última terça, os cassados permanecem nos cargos até publicação dos acórdãos do julgamento desses embargos. O relator dos embargos é o juiz Alberto Diniz .

Os embargos declaratórios foram apresentados pelo prefeito cassado, Cássio Magnani Júnior, pelo ex-prefeito Carlos Roberto Rodrigues, pela vice-prefeita cassada, Maria de Fátima Monteiro de Aguiar, e pelo segundo colocado nas Eleições de 2012 para o cargo de prefeito, Vitor Penido de Barros (DEM).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave