Juventus volta a vencer e vai à semi da Liga Europa

Com gols de Pirlo e Marchisio, equipe italiana bateu o Lyon, em casa, por 2 a 1

iG Minas Gerais | Agência Estado |

O meia Pirlo marcou o terceiro gol de falta dele em menos de um mês
Reprodução/Facebook Juventus
O meia Pirlo marcou o terceiro gol de falta dele em menos de um mês

A Juventus deu mais um passo, nesta quinta-feira, para estar na final da Liga Europa, que será no seu estádio. Jogando em casa, em Turim, venceu novamente o Lyon, desta vez por 2 a 1, e garantiu vaga nas semifinais da competição. Na partida de ida, semana passada, na França, já havia ganhado por 1 a 0. Benfica e Sevilla também estão classificados. Nesta quinta, a Juventus abriu o placar com Pirlo, de falta, aos 4 minutos do primeiro tempo. Foi o terceiro golaço dele de falta em menos de mês, uma vez que havia marcado diante do Genoa, pelo Italiano, e também na partida em que Juventus eliminou a Fiorentina nas quartas de final da Liga Europa. Ainda no primeiro tempo, aos 18, Briand empatou para o Lyon. Mas, na etapa final, Marchisio chutou de longe, a bola desviou na zaga e enganou o goleiro Anthony Lopes, da seleção portuguesa.  A final da Liga Europa está marcada para acontecer no dia 14 de maio, na Arena Juventus, sendo a primeira decisão europeia do novo estádio de Turim. A Juventus vai atrás do seu quarto título uma vez que venceu em 1977, 1990 e 1993, quando a competição ainda se chamava Copa da Uefa. OUTROS JOGOS - Vice-campeão do ano passado, tendo perdido para o Chelsea na decisão, o Benfica está novamente na semifinal. Nesta quinta, o time lisboeta recebeu o Az Alkmaar e só confirmou a classificação, vencendo por 2 a 0, com dois gols do carioca Rodrigo, que defende as categorias de base da Espanha. Na partida de ida, na Holanda, já havia sido 1 a 0. Os brasileiros Artur, Luisão e Guilherme Siqueira foram titulares. Já o Porto deu vexame. Já sem chance de título no Campeonato Português, o time portista levou 4 a 1 do Sevilla, na Espanha, e pôs fim à possibilidade de salvar a temporada. O time da casa jogou quase todo o segundo tempo com um jogador a menos. Pelo lado do Porto, o goleiro Fabiano, Danilo, Alex Sandro, Carlos Eduardo e Kelvin jogaram.  Apesar de só ter jogado torneios europeus em 15 temporadas, o Sevilla vai atrás do terceiro título continental. Com Luis Fabiano no seu elenco, foi campeão da Liga Europa em 2006 e 2007 quando o torneio ainda chamava Copa da Uefa. O Porto foi campeão em 2011.

Leia tudo sobre: PirloLyonMarchisioLiga Europafutebolquartas de finalgolaçoTurim