“Problemas no Peru têm que ser resolvidos em campo”, afirma China Azul

Torcedores esperam ver a Raposa tranquila em campo para buscar a vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE e GUILHERME GUIMARÃES |

Assim como os jogadores, os torcedores do Cruzeiro querem que a resposta pelos problemas ocorridos no Peru – como o episódio de racismo contra o volante Tinga, o corte da luz e da água e as pichações para intimidar os jogadores – seja dentro de campo, com muitos gols da equipe estrelada.

Mesmo acreditando em um jogo fácil, com uma sonora goleada, os cruzeirenses querem ver o time tranquilo em campo. “O Cruzeiro tem que entrar em campo tranquilo e esquecer o episódio do racismo e os outros problemas que aconteceram lá porque precisamos da vitória. Acho que vai ser um jogo fácil, com vitória do Cruzeiro por 4 a 1”, declarou o agente dos correios Rodrigo Sathler, 36 anos.

Para a matemática Carla de Freitas Damião, 23 anos, a Raposa tem que mostrar o profissionalismo que precisa ter um clube de futebol em uma competição como a Copa Libertadores da América. “Hoje, vamos mostrar que futebol se ganha dentro de campo. O time do Cruzeiro é muito superior a esse tipo de coisa”, afirmou a torcedora.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposachinaazulproblemasperu