Lewis Hamilton lidera teste no Bahrein e Nasr é décimo

Piloto inglês terminou a quarta-feira com uma confortável vantagem de 1s4 para o segundo colocado ao registrar o tempo 1min34s136 na sua melhor volta

iG Minas Gerais |

undefined

A Mercedes segue imbatível na Fórmula 1 em 2014. Nesta quarta-feira, o inglês Lewis Hamilton manteve a equipe na liderança dos testes coletivos no Bahrein, no circuito de Sakhir ao ser o mais rápido do dia de encerramento das atividades, repetindo o resultado da última terça-feira, quando o alemão Nico Rosberg, seu companheiro na Mercedes, liderou os treinos. Já o brasileiro Felipe Nasr colocou a Williams em décimo e penúltimo lugar.

Hamilton terminou a quarta-feira com uma confortável vantagem de 1s4 para o segundo colocado ao registrar o tempo 1min34s136 na sua melhor volta, feito durante a manhã, mesmo que ele tenha usado o dia para trabalhar no desenvolvimento dos pneus da Pirelli - cada uma das 11 equipes da Fórmula 1 fará o mesmo no período reservado para testes durante o campeonato, sendo que a Williams fez o mesmo nesta quarta-feira.

Vencedor do GP do Bahrein no último fim de semana, Hamilton manteve o seu bom momento no circuito de Sakhir, sendo também o piloto que mais deu voltas nesta quarta-feira - 120. O inglês foi seguido pelo francês Jean-Eric Vergne, que assumiu o carro da Toro Rosso, pilotado pelo russo Daniil Kvyat na terça-feira, e ficou na segunda colocação com a marca de 1min35s557.

A McLaren optou por treinar novamente com o dinamarquês Kevin Magnussen. Ele sofreu com problemas mecânicos durante a atividade, mas mesmo assim ficou na terceira colocação, com 1min36s203.

O mexicano Sergio Pérez, terceiro colocado no GP do Bahrein no último fim de semana, terminou a quinta-feira em quarto lugar no circuito de Sakhir. O australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, foi o quinto mais rápido, logo à frente do francês Jules Bianchi da Marussia.

Piloto reserva da Sauber, o holandês Giedo van der Garde terminou a quarta-feira em sétimo lugar. Enquanto isso, o espanhol Fernando Alonso praticamente perdeu o seu dia. Com problems na sua Ferrari, ele completou apenas 12 voltas, com a sua equipe optando por encerrar os trabalhos mais cedo nesta quarta-feira.

O sueco Marcus Ericsson ficou na nona colocação, logo à frente do brasileiro Felipe Nasr. Assim como Hamilton, o piloto reserva da Williams aproveitou o dia para trabalhar no desenvolvimento dos pneus da Pirelli e registrou o tempo de 1min39s879 na melhor das suas 64 voltas. Com isso, o brasileiro terminou o teste à frente apenas do francês Romain Grosjean, da Lotus.

O próximo período de testes coletivos da Fórmula 1 está marcado para os dias 13 e 14 de maio no circuito de Barcelona, na Espanha. Já a próxima etapa do campeonato, o GP da China, em Xangai, vai ser disputado em 20 de abril. Após três corridas, Rosberg lidera o Mundial de Pilotos e a Mercedes ocupa a primeira colocação no Mundial de Construtores.

Leia tudo sobre: automobilismofórmula 1lewis hamiltontreinos livres