Delegados da Polícia Civil farão três paralisações entre abril e maio

A classe quer que os vencimentos sejam igualados aos dos defensores públicos

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Os delegados da Polícia Civil de Minas Gerais irão cruzar os braços em datas específicas entre os meses de abril e maio. O calendário com as datas em que ocorrerão as paralisações foi divulgado nesta quarta-feira (9) pelo Sindicato dos Delegados de Polícia Civil do Estado de Minas Gerais (Sindepominas).

No próximo dia 23 de abril será a primeira greve dos delegados, com os policiais cruzando os braços durante quatro horas. Já no dia 30 de abril a paralisação durará oito horas. Por fim, a última data confirmada pelo sindicato será no dia 7 de maio, quando os delegados ficarão sem trabalhar por um maior período de tempo: doze horas.  

A decisão foi tomada pela Assembleia Geral da Categoria, realizada na semana passada. O objetivo das paralisações é pressionar o governo estadual a implementar uma política remuneratória que iguale os vencimentos dos delegados com o dos Defensores Públicos, já que as duas classes fazem parte das carreiras jurídicas de Estado.

Além disso, o Sindepominas informa que os salários dos delegados em Minas estão entre os três mais baixos do País, sendo que atualmente o Estado tem menos de mil delegados na ativa.

Leia tudo sobre: grevedelegadosdatasparalisaçõessindicato dos delegados