Homem é morto perto de igreja e vizinhos escutam pedido de clemência

Vítima não morava no bairro mas estava sempre por lá, mesmo assim, não foi identificado pelos vizinhos, que o conheciam apenas de vista

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Vítima foi encontrada em lote vago por vizinho que procurava cachorro fujão
OSVALDO RAMOS
Vítima foi encontrada em lote vago por vizinho que procurava cachorro fujão

“Não me mata não, pelo amor de Deus”. Essas foram as últimas palavras de um homem que foi assassinado na madrugada desta quarta-feira (9), no bairro Bom Sucesso, no Barreiro. Vizinhos contaram que escutaram o pedido e, em seguida, os tiros. A vítima de uma execução foi encontrada em um lote vago perto de uma igreja nesta manhã. Ele ainda não foi identificado, mas tinha entre 25 e 30 anos, segundo a polícia, várias tatuagens pelo corpo, e usava uma blusa azul, uma calça jeans e um boné vermelho.

Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima não portava documentos e também não morava no bairro, por isso, a falta de identificação. Mesmo assim, alguns vizinhos reconheceram o homem que já haviam visto algumas vezes pelas ruas do Bom Sucesso. O dono de um bar na região disse que já o viu no estabelecimento algumas vezes e, em outras, usando um telefone público.

Um vizinho, que preferiu não se identificar, contou que escutou os tiros durante a noite, mas preferiu não sair de casa. Nesta manhã o cachorro dele fugiu e ele saiu para ir atrás, e decidiu olhar o lote vago que fica perto da casa dele. Foi assim que encontrou o homem caído, já sem vida. De acordo com o cabo Luiz Ricardo Vieira, da 11ª Companhia do 41° Batalhão da PM,  foram constatados quatro tiros, sendo um no braço, um na barriga e dois na cabeça.

Outros vizinhos disseram ter ouvido alguém implorando pela vida, e depois, os tiros. Em seguida, ouviram um grupo de pessoas correndo pela rua, mas não souberam precisar quantas pessoas seriam. A suspeita da polícia é que o crime tenha relação com o tráfico de drogas. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), onde aguarda por alguém que o reconheça. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave