Cruzeiro aumenta salário de Lucas Silva e estende contrato do volante

Diretoria altera pela segunda vez em menos de um ano o contrato do jogador, que desperta grande interesse de clubes gringos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Lucas Silva tem como uma de suas principais marcas a firmeza em campo
Facebook/Reprodução
Lucas Silva tem como uma de suas principais marcas a firmeza em campo

O volante Lucas Silva já é realidade no Cruzeiro. Revelado pelas categorias de base do clube, o  meio-campista de 21 anos sofre cobiça de equipes do exterior que estão interessados em seu futebol. Para evitar uma surpresa desagradável, a diretoria do Cruzeiro tomou uma ação e reformulou o contrato do jogador.

Na última segunda-feira o novo contrato de Lucas Silva foi publicado no Boletim Informativo Diário (BID), da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O novo acordo do volante com o Cruzeiro agora é válido até dezembro de 2017, cinco meses a mais do que o vínculo anterior, que expirava em julho do mesmo ano.

Lucas Silva teve a sua segunda alteração contratual em menos de um ano. Em meados de 2013, a diretoria do Cruzeiro já havia valorizado o contrato do jogador, aumentando o salário do atleta, titular absoluto no meio-campo da Raposa. 

Na primeira alteração contratual, segundo o próprio Lucas Silva, o Cruzeiro incluiu algumas cláusulas no contrato, alterou o tempo de vínculo e valorizou o salário do jogador. Tudo no intuito de se precaver pelas constantes investidas de clubes estrangeiros.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposalucas silva