Família Mendez já se sente em casa na capital mineira

Contrato até 2016 com time celeste deu ao técnico a certeza de que a mudança seria benéfica

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

União. Presença da esposa e dos filhos, que vieram da Argentina no início do ano, é qualidade de vida para o técnico Marcelo Mendez
DENILTON DIAS / O TEMPO
União. Presença da esposa e dos filhos, que vieram da Argentina no início do ano, é qualidade de vida para o técnico Marcelo Mendez

O sucesso do técnico Marcelo Mendez à frente do Sada Cruzeiro tem tudo para se consolidar nos próximos anos. Com contrato assinado até 2016 com o clube atual campeão mundial, o treinador, desde janeiro, tem a família a seu lado de forma permanente na capital mineira. A presença dos entes queridos do técnico é mais um combustível para o time celeste conquistar, no próximo sábado, o segundo título da Superliga masculina.

Desde o começo do ano, a esposa Maria Livia, a filha mais nova, Pilar, 8, e o filho do meio, Juan Mendez, 17, fixaram residência em Belo Horizonte. Para completar o pacote, falta a vinda do filho mais velho, Nicolas Mendez, 21, que ainda estuda e também joga vôlei por uma universidade de Buenos Aires.

“A presença deles ajuda muito. Já estou no Sada desde 2009 e a distância incomodava. Sempre tínhamos que ficar indo e voltando para matar a saudade. Agora, não precisa disso, os vejo a todo momento e estamos sempre juntos”, comemora Mendez, que mostra ser um treinador tranquilo à beira da quadra.

No entanto, na sua época de jogador, o perfil era outro. “Eu era explosivo, e a carreira de treinador me ajudou a controlar os ânimos. Em momentos de tensão, é preciso passar serenidade e segurança para os atletas para que tudo ocorra bem”, mostra.

ADAPTAÇÃO. Dentro de casa, Marcelo também é tranquilo, mas vez ou outra os filhos conseguem tirar um pouco de sua paciência. “Quando eu e meu irmão brigamos, ele fica nervoso. Mas logo passa. Está sendo muito bom ficar mais perto dele. Sempre que temos um tempo livre, fazemos programas juntos para descontrair”, comenta Juan, que garante que a adaptação está sendo muito boa.

“O povo brasileiro é caloroso. Já tenho amigos na escola e no próprio time de vôlei. Eles sempre me ajudam em tudo que preciso, estão sempre dispostos a me deixar o mais confortável possível”, agradece o jovem, que atua nas categorias de base do Sada Cruzeiro.

A esposa Maria Livia também garante estar feliz com a decisão. O sorriso no rosto deixa claro que a capital mineira faz bem para os Mendez, poucos meses após uma grande mudança na vida de cada integrante. “Conseguimos fazer amizade com vizinhos e essa proximidade colabora. Tudo que está acontecendo superou minhas expectativas. Estamos felizes e adaptados.

O casal está junto há 30 anos e dá aos filhos exemplos de uma dedicação construída com simplicidade e sabedoria.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave