Motociclista é atropelado em suposto racha no Belvedere

Dois carros se envolveram na batida; em um deles, a polícia encontrou uma câmera; moradores da região estão assustados

iG Minas Gerais | Bruna Carmona |

Um motociclista ficou gravemente ferido depois de ser atropelado durante um suposto pega, no bairro Belvedere, na região Centro-Sul de Belo Horizonte. O acidente aconteceu na noite desta segunda-feira (7), no cruzamento da rua Jornalista Djalma Andrade com a avenida Paulo Camilo Pena, próximo a uma área de caminhada.

Testemunhas disseram ter visto um Hyundai i30 e um Citroën C3 seguindo em alta velocidade, como se disputassem um racha, por volta das 19h. O motociclista, identificado como Gilvan Alves Brito, de 38 anos, foi atingido próximo a uma rotatória no bairro. Com o impacto, a motocicleta foi arremessada a 50 m e sofreu lesões no fígado e no diafragma. Ele foi levado para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII e está sendo operado.

A polícia encontrou uma câmera semelhante a uma GoPro dentro do Citroën C3. O aparelho foi recolhido e será entregue ao delegado do Detran, onde a ocorrência será encerrada. O motorista do veículo disse que tentou frear quando viu o motociclista, mas não conseguiu. Ele também ficou ferido e foi levado para o Hospital Vila da Serra, com suspeita de fratura na clavícula. Já o motorista do Hyundai i30 não quis falar com a reportagem de O TEMPO.

A Polícia Civil vai investigar o caso.

Casos se repetem

Assustados, moradores da região disseram que os pegas são frequentes na região. Conforme mostrado pela reportagem publicada em O TEMPO na última quarta-feira (2), carros de luxo se envolvem em arrancadas que reúnem jovens de 18 a 25 anos nas ruas do Belvedere, principalmente durante a madrugada.  

Leia tudo sobre: belvedererachaspegamotoqueiroferido