Indígena mata filho, é linchado e preso em São João das Missões

Vítima não teria gostado das atitudes do pai com relação a mãe e a irmã, foi tirar satisfações e acabou esfaqueada; jovem foi levado para uma unidade de saúde, mas, não resistiu aos ferimentos e morreu no local

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Um indígena de uma aldeia localizada em no município de São João das Missões, no Norte de Minas, foi preso pela Polícia Militar (PM), durante a madrugada de domingo (6), por suspeita de matar o filho a facadas. O crime chocou os cerca de 11 mil habitantes da aldeia Xakriabá.

Segundo o sargento Adriano Faustino de Almeida do 30º Batalhão da PM, que atendeu a ocorrência, no fim da noite de sábado (5), a mulher de Evaristo Pereira dos Santos, de 59 anos, havia discutido com a filha. O pai não teria gostado da maneira que a companheira havia se portado e decidiu sair com a filha. Quando os dois retornaram já era madrugada de domingo, porém, a jovem estava embriagada.

Ainda de acordo com o sargento, o fato teria gerado revolta no outro filho do casal que não gostou da atitude do pai. Depois de entrar em luta corporal com o filho, Santo pegou um facão e atingiu várias vezes o filho. As vítimas foram levadas para o Fundação Hospital de Amparo ao Homem do Campo da cidade de Manga. O suspeito do crime foi linchado por outros indígenas que moram na comunidade, porém, foi socorrido pela família e encaminhado para a mesma unidade de saúde.

O suspeito foi detido e encaminhado para a Delegacia de Plantão da cidade. A expectativa é de que ele siga preso até o julgamento. “Ele está cumprido prisão preventiva, já que a delegada já ratificou o flagrante e vai pedir a preventiva para ele”, declarou o sargento.  

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave