Chelsea vence Stoke City e assume ponta provisória do Inglês

Blues contaram com os gols de Mohamed Salah, Frank Lampard e do brasileiro Willian para sair de campo com o triunfo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Frank Lampard e Willian fizeram gols na vitória do Chelsea diante do Stoke City
DIVULGAÇÃO/CHELSEA
Frank Lampard e Willian fizeram gols na vitória do Chelsea diante do Stoke City

O equilibrado Campeonato Inglês tem um novo líder, pelo menos por 24 horas. Neste sábado, o Chelsea recebeu o Stoke City no Stamford Bridge e não teve trabalho para vencer por 3 a 0. O resultado fez com que o time londrino passasse o Liverpool provisoriamente na liderança da competição. O brasileiro Willian deixou sua marca e fechou o placar. Os outros gols foram de Salah e Lampard.

Os londrinos subiu para 72 pontos, contra 71 do Liverpool, que atuará neste domingo contra o West Ham fora de casa. O Manchester City é o terceiro, com 70, mas tem dois jogos a menos que o Chelsea. Os comandados de José Mourinho voltam a campo na terça-feira para o duelo decisivo das quartas de final da Liga dos Campeões contra o Paris Saint-Germain, em casa. Na França, perderam por 3 a 1.

Por causa desse confronto, Mourinho poupou diversos titulares, como os brasileiros Oscar, Ramires e David Luiz - o zagueiro entrou no segundo tempo. Com isso, Luiz Felipe Scolari, técnico da seleção do Brasil, que estava nas tribunas do estádio, teve toda a atenção voltada para a Willian, e deve ter gostado do que viu, já que o meia foi um dos destaques da vitória.

Mas o resultado começou a ser construído sem a participação do ex-corintiano. Aos 31 minutos do primeiro tempo, Matic recebeu lateral pela esquerda, girou como quis sobre a defesa do Stoke e rolou para o meio da área. Salah vinha chegando pela direita e encheu o pé no contrapé do goleiro para marcar.

Já na etapa final, aos 14 minutos, Hazard deu belo toque de calcanhar para Salah, que foi calçado por baixo. O pênalti foi marcado, Frank Lampard bateu e Begovic pegou. A sobra, no entanto, ficou com o próprio meia, que desta vez não perdoou. O último gol saiu aos 26, em lindo lance de Willian. Ele recebeu na intermediária, avançou, cortou para o meio e bateu colocado, sem chance para o goleiro.

Leia tudo sobre: chelseainglesstoke city