‘Intimista e personalizado’

As 23 acomodações variam de 45 m² a 200 m²; sustentabilidade dita ritmo do resort

iG Minas Gerais | Paulo Campos |

Bem original, o lobby tem um aspecto rústico
Leandro Miranda/divulgação
Bem original, o lobby tem um aspecto rústico

O arquiteto e designer Osvaldo Tenório levou sua criatividade no desenho também para dentro dos quartos. Cada um tem uma leitura diferente, com disposição harmônica dos móveis e objetos, para deixar o hóspede à vontade. Desde a cama king size com lençóis de fio egípcio e travesseiros aromatizados aos almofadões e poltronas.

As 23 acomodações obedecem a uma configuração: variam de 45 m² (a menor) a 200 m² (a maior), com quarto com banheiro e jardim interno, closet e varanda com ofurô. Acrescente a mais sofisticada piscina privativa de borda infinita com pedras importadas de Bali, jardim externo, salas de estar e jantar e acesso direto à praia.

O conforto é o mesmo em todas as vilas, variando apenas a decoração e a vista para o mar ou para a mata. A proposta, segundo Tenório, é tornar o ambiente mais intimista e personalizado. Da suíte Apoena, pode-se avistar a barreira de recifes de um lado, que forma piscinas naturais, e o oceano com fortes ondas do outro.

Os nomes sugerem brasilidade: Apoena (econômica, com vista para a mata), Araxá (com duas suítes), Marajó (próxima da praia), Jaobi (com saída privativa para a praia) e Kenoa, que é única e a maior de todas, com deck com piscina privativa, acesso à praia, mirante, banheiro com ofurô e muito espaço.

Barra de São Miguel foi descoberta no século XVI pelo famoso navegador Américo Vespúcio

 

DESTAQUES

Suítes: A configuração é básica, mas diferencia a decoração

Comodidade: Além de piscina, saída privativa para a praia

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave