Rodrigo Caio supera noite de vilão e ganha apoio no São Paulo

Jogador perdeu o pênalti que eliminou o Tricolor do Campeonato Paulista

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Garoto trabalha para apagar a má impressão deixada na desclassificação do Estadual
Rubens Chiri/São Paulo
Garoto trabalha para apagar a má impressão deixada na desclassificação do Estadual

Rodrigo Caio viveu uma noite de vilão ao perder o pênalti que acabaria eliminando o São Paulo contra o Penapolense nas quartas de final do Campeonato Paulista. Uma semana depois, o garoto deixou o momento ruim para trás e trabalha para apagar a má impressão deixada na desclassificação do Estadual.

Mesmo não escondendo que ficou abatido com o erro, o jogador revelou que foi muito incentivado pelos colegas e também por Muricy Ramalho ainda no Morumbi, o que acabou ajudando a não acusar tanto o golpe. Revigorado, ele inclusive diz que se coloca à disposição para cobrar novamente em uma eventual decisão contra o CSA na quarta-feira.

"É complicado, quando a gente erra é triste. Coloquei a cabeça no lugar e ganhei o apoio do professor e do grupo. Bola para frente, não será a primeira nem última vez que isso vai acontecer. Vinha treinando bem, se o professor optar por me colocar para bater eu bato, mas temos que fazer um jogo bom para evitar a cobrança de pênaltis", afirmou o jogador.

Rodrigo Caio aproveitou para fazer um balanço da participação da equipe no Paulista e admitiu que o grupo ainda não inspira confiança e oscila demais nas partidas. Para ele, acabar com os altos e baixos é fundamental para o time brigar por títulos e promete evolução rápida.

"Em alguns momentos passamos certas dificuldades e precisamos melhorar isso, especialmente em jogos decisivos precisamos pressionar mais o adversário, ainda mais quando jogamos em casa. Mas vamos mudar isso para o Brasileiro e para a Copa do Brasil."

Leia tudo sobre: rodrigo caiofutebolesportesao paulovolante