Dupla suspeita de matar menina de 10 anos é presa em aglomerado de BH

De acordo com as primeiras informações da polícia, jovens foram encontrados na Serra

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Após matar criança, Filipe e Márcio ainda roubaram um carro e fizeram o dono refém
POLÍCIA MILITAR / DIVULGAÇÃO
Após matar criança, Filipe e Márcio ainda roubaram um carro e fizeram o dono refém

Os dois jovens de 18 anos que teriam participado do assassinato de uma criança de 10 anos em Santa Bárbara, na região Central do Estado, foram presos na madrugada desta sexta-feira (4) no Aglomerado da Serra, na região Centro-Sul de Belo Horizonte.

De acordo com as primeiras informações da Polícia Militar de Santa Bárbara, Filipe Ferreira da Silva e Márcio Emanoel dos Santos estavam escondidos em uma casa da área e foram capturados por militares do 22º Batalhão da capital.

Nessa quinta-feira (3), um terceiro homem que teria participado do crime, Lucas Vinícius da Silva, também de 18, se apresentou à polícia de Barão de Cocais. Ele negou ter envolvimento no caso, mas a Polícia Civil acredita que a motocicleta usada na fuga era dele.

Caso

Giovanna Ramos Duarte brincava com o pai quando começou um tiroteio na avenida Lucinda Libânio, no bairro São Vicente. Silva, que já foi detido oito vezes quando menor, tinha como alvo Diego Rafael Silva Ribeiro, de 21, que manteria um caso com a ex-namorada do atirador.

Ribeiro levou um tiro na perna, que acertou também a cintura da garota. A criança sofreu três paradas cardíacas, foi transferida para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, na capital mineira, mas não resistiu aos ferimentos.

Leia tudo sobre: SANTA BÁRBARABALA PERDIDASERRA