Lucas Silva e Dagoberto completam 50 jogos pelo Cruzeiro contra La U

Volante e atacante acreditam que a Raposa pode sair do Chile com as esperanças renovadas na Libertadores

iG Minas Gerais | GUILHERME GUIMARÃES |

Mesmo com revés na Copa do Brasil, Cruzeiro tem grupo fechado em busca do título nacional
Washington Alves / VIPCOMM
Mesmo com revés na Copa do Brasil, Cruzeiro tem grupo fechado em busca do título nacional

Vencer a Universidad de Chile (CHI), nesta quinta-feira, é o que o Cruzeiro precisa, caso a equipe queira continuar sonhando com uma vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores. E no duelo de vida ou morte, em Santiago, no estádio Nacional, às 20h45, dois jogadores viverão um momento bastante especial. O volante Lucas Silva e o atacante Dagoberto completarão, cada, 50 jogos com a camisa estrelada. Para que a expressiva marca seja, de fato, comemorada, o meio-campista espera uma vitória celeste diante da La U. “Cinquenta jogos é um número expressivo, ainda mais em um clube grande como o Cruzeiro. Neste tempo, já conquistei um Campeonato Brasileiro, o que torna tudo melhor. Estou chegando a esta marca em um jogo decisivo na Libertadores, no Chile, e espero fazer valer a pena com uma boa partida lá”, comentou o jovem atleta. Confiante em uma vitória no Chile, Dagoberto acredita que o Cruzeiro seguirá vivo na competição.

“Nós temos que estar preparados para tudo. Não creio que seja uma situação tão impossível assim. Nossa equipe está focada e tem uma vontade muito grande de buscar esse resultado e pensar em coisas grandes dentro desta competição”, comentou o camisa 11.

Leia tudo sobre: Libertadorescruzeiroraposadagobertolucas silvamarcajogos