Dona de casa morre após ser baleada quatro vezes em Esmeraldas

Sogra contou à polícia que nora não parava em casa e vivia em uma área conhecido pelo comércio de drogas; ninguém foi preso

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Uma mulher de 37 anos morreu após levar quatro tiros, no fim da noite dessa terça-feira (1º), em Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte. A suspeita é que o crime esteja relacionado com o tráfico de drogas.

A Polícia Militar foi acionada por funcionários do Hospital Municipal 25 de Maio, para onde Amélia Pereira dos Santos foi levada, mas não resistiu aos ferimentos. A sogra da vítima contou que a mulher estava em casa quando foi chamada por uma criança de aproximadamente 5 anos, que estaria acompanhada de um homem.

Após sair de casa, na rua Vera Cruz, no bairro Nova Esmeralda, a dona de casa foi baleada no peito, costas e ombro. Além disso, ela apresentava um corte no rosto. Ainda segundo a sogra, Amélia não parava em casa e vivia em um espaço da cidade chamada de “Área Verde” conhecido, de acordo com a polícia, pelo intenso comércio de entorpecentes.

A filha da vítima teria contato para a avó que o responsável pelo homicídio seria um homem conhecido pelo apelido de “Neném”. No entanto, ela não disse qual seria a ligação de Amélia com o suspeito.

Militares do 40º Batalhão fizeram rastreamento na região, mas ninguém foi preso. O caso ficará a cargo da Polícia Civil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave